bolsa - Fios de seda compõe a arte de Tina Cará

A confecção de cada bolsa dura em média três dias inteiros

Arquivo Pessoal

Tica Falivene, dentista aposentada aproveita as horas vagas como artesã e inova apostando em bom gosto com verdadeiras obras de artes em bolsas de festas feitas em crochê. Imagine que não há como uma peça ser igual a outra!

"Sempre fui louca por bolsa, amo crochê e resolvi me dedicar, já fiz mais de 10 modelos, em muitas aplico pedras naturais, geralmente Ágatas, também uso resina para as alças e todas têm fios de seda", explica.

A confecção de cada bolsa dura em média três dias inteiros. E as encomendas já disparara por todo o Brasil, via instagram!

"Uma de minhas filhas criou meu instagram e daí começamos a fazer as postagens, muita gente comentava pedindo e agora o hobby virou um novo trabalho", disse. A inspiração de Tina não pára, no verão ela aposta em bolsas para a praia. "Olha não é para ir à praia, mas para ambientes de praia (risos). Fiz uma de fios de seda especialmente para um casamento e a cliente amou", disse.

Tina é uma das expositoras do 'Café com Arteiras' que acontece sexta (10) e sábado (11) na Floresteira, Rua Jorge Barbosa Moreira, 231, Vila Ema.

bolsa - Fios de seda compõe a arte de Tina Cará

'Olha não é para ir à praia, mas para ambientes de praia', diz Tica Falivene

Arquivo Pessoal