O Taubaté já abriu uma nova semana de preparação para a Copa Paulista que começará no dia 23. Dois jogos-treinos estão agendados para um time que já conta com as duas contratações mais recentes.

Nesta segunda-feira, o time treinou em dois períodos, sendo o primeiro na academia e depois, à tarde, no Joaquinzão. O elenco volta a treinar nesta terça para, na quarta às 15h, receber o Atibaia em mais um teste.

“Pretendo fazer variações, inverter alguns posicionamentos, usar o jogo. Fazer uma peça ou outra de mudança, para eles entenderem também o que está sendo proposto e a gente dar seguimento no trabalho”, disse o técnico Fábio Gomes, que na semana passada viu o time vencer o primeiro jogo-treino, diante do São Bernardo, por 2 a 1.

Além do Atibaia, quem também vai enfrentar o Burro essa semana é o Água Santa. O duelo acontece no sábado, ainda com horário e local a serem definidos. “É uma parte de lapidação final do grupo. Espero essa semana com os jogos eu já poder definir uma equipe para a estreia. Estamos em um momento de definição, estou vendo evolução. Creio que estamos no caminho certo”, afirmou o treinador, que nesta segunda já contou com a presença dos reforços Velicka e Branquinho no treinamento.

cq_613

Integrados

Anunciados no início da semana passada, Velicka e Branquinho foram formalmente apresentados na sexta-feira. Chegaram no dia anterior, passaram por exames médicos e assinaram contrato.

O polivalente Velicka, de 33 anos, assinou contrato válido até o fim da Série A2 do ano que vem. Vindo do Brasil de Pelotas-RS, o atleta pode atuar como lateral-esquerdo, volante, meia ou até mesmo mais avançado. Depois de ganhar destaque sendo titular do Osasco Audax vice-campeão paulista em 2016, e, depois, teve campanhas de destaque jogando a Série A1 do Paulista pela Ferroviária e a Série B do Brasileiro pelo Oeste. No ano passado, foi vice-campeão da Série B do Brasileiro pelo CSA-AL.

“Recebi a proposta do Carlito, com um projeto interessante aqui no Taubaté. A expectativa é boa, um projeto bom subir ano que vem, mas começa agora na Copa Paulista, fazer um bom campeonato para deixar uma boa base para 2020”, afirmou o meio-campista.

Leandro Nunes Velicka, nascido em 26/02/1986, passou por vários times, como: Brasil-RS, CSA-AL, Ferroviária, São José, Oeste, Osasco Audax, Guaratinguetá, Noroeste, Comercial, Linense, Mirassol e Grêmio Barueri.

Já o meia Branquinho vem do Rio Preto, e, aos 36 anos, tem passagens por grandes equipes do futebol brasileiro. Destaque do Santo André vice-campeão paulista em 2010 e camisa 10 do título andreense na Série A2 de 2016, também fez seu nome com boas atuações por Athletico-PR, Bahia e no Japão.

“Estou muito feliz com esse acerto. Não pensei duas vezes pelo projeto do Taubaté, pela estrutura, por companheiros que já jogaram aqui, então cheguei motivado para dar o meu melhor e ajudar o clube”, disse.

Wellington Clayton Gonçalves dos Santos, o Branquinho, nasceu em 02/01/1983. Antes, atuou por equipes como Rio Preto, Atlético Tubarão-SC, Penapolense, Red Bull Brasil, Santo André, Oeste, Bahia, Cezero Osaka (JAP), Athletico-PR, Ceará-SC, Grêmio Barueri e Botafogo-SP.

Saídas

As chegadas completam um processo de mudança no elenco taubateano, que não contará com dois atletas assinados anteriormente. O primeiro é o meia Erik, profissionalizado pelo próprio Taubaté, que não chegou a um acordo para renovação. Como seu contrato segue até o próximo mês, a comissão técnica preferiu não utilizá-lo no plantel que disputará a competição estadual.

Outra saída é do também meia Celinho, contratado este ano. Em comum acordo com comissão técnica e diretoria, o atleta apontou questões pessoais para deixar o clube, e já não faz mais parte do elenco alviazul.

cq_611

Nas fotos (de Caíque Toledo/EC Taubaté), Velicka marcando Leo Naldi em um treino e junto com Branquinho quando ambos foram apresentados como novos contratados.