A Polícia Ambiental apreendeu 15 animais silvestres em uma residência em Potim, nesta quinta-feira (13). Segundo a polícia, alguns dos animais eram de espécies em extinção e estavam em gaiolas pequenas ou baús de plástico com pouca ventilação.

A polícia foi até a residência no bairro Frei Galvão, após receber uma denúncia anônima de tráfico ilegal de animais, e ao chegar no local encontrou os animais. Entre eles, haviam sete serpentes, um tigre d’água, um teiú (espécie de lagarto), uma iguana, dois tucanos, dois coleirinhos (espécie de pássaro) e um gambá. 

O proprietário foi multado em R$ 22.500, mas vai responder as denúncias de crime ambiental e maus-tratos em liberdade.

Os animais foram encaminhados para diferentes centros de proteção ambiental da região, onde vão passar por avaliação veterinária e receber cuidados de especialistas.