Por Andressa Lorenzetti Em Especial

Especial: Filhos comemoram a recuperação dos pais que venceram a Covid-19

Histórias onde a vida é o melhor presente que poderiam ganhar no dia dos pais

Arquivo pessoal
Arquivo pessoal
Fabiana celebra a vida do pai José Nilton depois de mais de 40 dias de angústia


Quem vê a família de José Nilton Cendrete sorrindo, não imagina a angústia enfrentada nas últimas semanas. A alegria é também um alívio, o paizão de 65 anos venceu a Covid-19. Ele passou 43 dias internado, 30 deles numa UTI. O corpo ainda está fragilizado, mas o coração anda bem aquecido. A comemoração de dia dos pais não é só pela data especial de todos os anos, desta vez, o maior presente é poder estar vivo e perto de quem ama. Emocionado, José Nilton divide o sentimento de vencer a doença e de estar de novo em casa.

“Hoje, estou me sentindo ótimo, muito feliz, porque estou junto com a minha família, junto com os meus filhos. Isso é motivo de muita felicidade pra mim. Tô louvando e agradecendo a Deus por esse dia e por esse momento”, declara de forma muito amorosa.

A filha dele, Fabiana Cendrete Godoi, conta que teve a fé como o principal remédio. Foram dias de muita oração.

“Será o melhor dia dos pais de nossas vidas. Eu e meus irmãos estamos muito agradecidos pelo milagre da vida dele, e com certeza será comemorado com muito amor e muita prudência, pois apesar de eu também ter sido contaminada, estou recuperada”.

Sebastião de Lima, tem a mesma idade, 65 anos, também é pai, mora em São José dos Campos e tem outra coisa em comum com José Nilton, venceu a Covid-19. Ficou 31 dias internado. Na UTI estava sem receber visitas ou ligações. Apenas o médico avisava a família sobre o estado de saúde dele. Para a filha Patrícia Lima, foram dias de muito medo. Queria passar o dia dos pais com ele e a vitória chegou pouco antes da data.

“Graças a Deus tivemos a melhor notícia, ele estava de alta, o dia é dos pais, mas quem ganhou fomos nós. Meu pai Sebastião, estava curado da Covid-19, meu guerreiro que amo muito.”, comemora Patrícia, mostrando agradecimento pela superação.

Sebastião também se recupera fisicamente dos dias difíceis que passou, e mesmo com poucas palavras resume como se sente no momento. “Estar em casa com a família foi um presente”.

Arquivo pessoal
Arquivo pessoal
Patrícia comemora com o pai e a família a recuperação dele


Amor maior

Muitas vezes, os filhos só dão valor quando passam por um momento semelhante ou quando perdem. Mas boa parte sabe também como valorizar essa pessoa tão importante na vida de todos nós. Pode não ser uma relação fácil, mas é para sempre. E você já deu um abraço no seu pai hoje, ligou para ele? Ou fez uma oração em sua homenagem?

Ter gratidão é um sentimento nobre e fortalece esse amor. Seja biológico ou de coração, pai é uma figura importante, que nos ajuda a crescer e nos prepara para o mundo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Andressa Lorenzetti, em Especial

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.