Regional

Históricos do São José Basketball buscam sonho olímpico na Seleção do 3x3

O ala Dedé e o pivô Murilo Becker mudaram para a nova modalidade e foram convocados para treinos

Escrito por Jogando Juntos

07 ABR 2021 - 12H36

Basquete 998

Jogadores renomados que fizeram história no São José Basketball, o ala Dedé e o pivô Murilo Becker foram para o basquete 3×3. Atuando pelo São José Athlon, também se destacaram na modalidade e entraram em um caminho que pode terminar na Olimpíada de Tóquio.

A Seleção Brasileira masculina de basquete 3×3 está convocada para a primeira fase de treinamentos visando o Pré-Olímpico de Graz, na Áustria, em busca de uma vaga em Tóquio 2020. Ao todo, foram convocados oito atletas pelo técnico Douglas Lorite e os treinos serão realizados de sexta-feira ao dia 18 de abril, no Rio de Janeiro, na EsEFEx, a Escola de Educação Física do Exército, na Urca. A ação tem apoio do Comitê Olímpico do Brasil e do Exército Brasileiro.

“Antes do adiamento dos Jogos de Tóquio, também tivemos uma primeira etapa de treinamento, que de qualquer forma, nos auxiliou para que os jogadores se conhecessem melhor. Agora, com a confirmação do Pré-Olímpico, vamos trabalhar com todos os recursos possíveis em busca de uma vaga para o Brasil”, disse Francisco Oliveira, Gerente de Desenvolvimento do 3×3 na CBB e Chefe da Equipe.

A lista conta com Jefferson Socas, William Weihermann, Leandro de Souza Lima, André Tadeu de Oliveira Ferros, Jonatas Julio de Mello, Luiz Felipe de Paulo Silva, André Stefanelli O Dedé) e Murilo Becker, todos em busca de quatro vagas para a disputa do Pré-Olímpico entre 26 a 30 de maio, em Graz, na Áustria, quando três países se qualificarão para os Jogos Olímpicos.




Cortes e competição

Ao fim da primeira fase de treinos, no dia 18 de abril, o técnico Douglas Lorite fará dois cortes e definirá o time que jogará a competição. A segunda fase de treinamentos, de 10 a 22 de maio, terá, então, seis atletas em treinamento. Quatro vão viajar para o Pré-Olímpico na Áustria e os outros dois ficam como reservas imediatos na lista enviada para a Federação Internacional de Basquete (FIBA) e podem ser acionados.

O Brasil joga a primeira fase no mesmo grupo que Mongólia, Polônia, Turquia e República Tcheca. Outros três grupos contam com cinco países cada. Os dois melhores de cada chave avançam para o mata-mata e os três times que forem ao pódio terão sua vaga em Tóquio 2020.




Nas imagens, Dedé arremessando e Murilo acompanhando o lance em uma das partidas em São José dos Campos (foto de Arthur Marega Filho/São José Athlon 3×3) e a arte de apresentação dos convocados (Divulgação/CBB).

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Jogando Juntos, em Regional

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.