Regional

Novo time de vôlei de São José visita o ex-Taubaté que agora é de Natal

A partida será pela sétima rodada da Superliga e entre dois concorrentes que somam nove pontos em seis jogos

Escrito por Jogando Juntos

26 NOV 2021 - 23H13 (Atualizada em 26 NOV 2021 - 23H19)

Mariana Luz/MLuz fotografia SJ Vôlei 957 (Mariana Luz/MLuz fotografia)

Pela sétima rodada da Superliga Masculina, o Farma Conde Vôlei São José visita o Vôlei Funvic Natal, o ex-Taubaté, neste sábado, às 19h30, no ginásio Nélio Dias, na capital do Rio Grande Norte. Os dois times, assim como o Guarulhos, estão com nove pontos somados em seis partidas disputas e fecham a zona de classificação formada pelos oito melhores.

No sábado passado, o São José recebeu o Goiás, somou os três pontos em casa, mas chegou a perder um set ao fazer o placar de 3 a 1. O Funvic Natal foi a Minas Gerais e também somou três pontos ao marcar 3 a 0 no Uberlândia.

Com os demais resultados dos outros concorrentes, a classificação do campeonato ficou assim: 1º – Minas (18 pontos em 6 jogos); 2º – Sesi-SP (17 em 6); 3º – Sada Cruzeiro (17 em 7); 4º – Blumenau (12 em 6); 5º – Campinas (10 em 6); 6º – Guarulhos, São José e Funvic Natal (9 em 6); 9º – Montes Claros/América (4 em 5); 10º – Brasília (3 em 5); 11º – Goiás (0 em 6) e 12º – Uberlândia (0 em 7).

Preparação

Sobre a preparação joseense, confira o material enviado pela NTZ Comunicação e Marketing, assessoria de Imprensa do time.

No sábado, 27, às 19h30, o Farma Conde Vôlei visita a cidade de Natal, no Rio Grande do Norte, para encarar o Funvic, em busca de mais uma vitória na Superliga. A equipe joseense jogou quatro partidas diante do seu torcedor e conquistou os seus três triunfos até aqui no campeonato.

No último jogo, o Farma Conde Vôlei teve alguns desfalques, mas venceu o Goiás por 3 sets a 1 com parciais de 26×24, 23×25, 29×27 e 25×22. O técnico da equipe joseense, Peu, comentou sobre a ausência de alguns jogadores: “A gente já tinha perdido o Noleto na quarta-feira, com uma torção de tornozelo. O Marlon, infelizmente, se sentiu mal e tivemos que jogar com um levantador só, o que é sempre difícil, já que a inversão que vinha funcionando tão bem, não aconteceu. Acho que foi um jogo que poderíamos ser mais estáveis, foi até perigoso, ir com apenas um levantador. O Winck jogou sem ter um substituto, isso te deixa mais pressionado, mas acho que ele conseguiu trabalhar bem e ajudou bastante a equipe” apontou o treinador.

Além de substituir o levantador Marlon, Mateus Winck, vencedor do troféu Viva Vôlei da última rodada, e comentou sobre o apoio do público no duelo da rodada passada: “A torcida é muito importante, é bom ter esse calor e energia de volta. Quando não tinha torcida, o jogo esfriava um pouco e às vezes ficava difícil de animar e buscar um resultado melhor. Como aconteceu no último set com o Goiás, saímos quatro pontos atrás e conseguimos reverter a situação com o apoio da torcida” disse o atleta.

Ausência de Marlon

O levantador ainda comentou sobre a falta do Marlon: “Com certeza, ele faz falta, a gente acaba carregando um fardo antes de entrar. Mas temos que sentir que estamos bem-preparados, com confiança. Acho que essa crescente durante a semana é muito importante, a preparação, o esquema de treinamento, de estudo, não é só chegar na quadra no final de semana e jogar contra os adversários, o pré-jogo é muito importante. Estou com o time há uns três anos, então estou acostumado com estas trocas e diria que foi muito bom, para mim e para o grupo todo entrosar. Agora vamos esperar para ele voltar” completou Winck.

Sobre o duelo deste sábado, o técnico Peu contou o que espera: “O próximo jogo é com a equipe de Natal, uma partida muito difícil, um time que assim como nós mudou de cidade e está ali no processo de organização. Eles começaram bem o campeonato, mas agora possuem três derrotas. Vai ser um jogo para brigar pela vaga nos playoffs”.

Winck também espera um confronto disputado e difícil: “Vamos em busca do ponto, não interessa se é dentro ou fora de casa. O time tem que encaixar, todo mundo que entra e sai tem que ser importante, e ter um bom aproveitamento, e a energia não pode faltar” comenta o levantador que deve ser titular novamente diante o Funivc Natal.

Transmissão e times

Para assistir ao próximo jogo os fãs podem assinar o Canal Vôlei Brasil usando o cupom do time, saojose10, além de receber um desconto no ato da compra, ainda ajuda o desenvolvimento do time, pois parte do lucro é destinada a equipe.

Na vitória de sábado passado sobre o Goiás, o técnico Peu escalou o São José com: Winck, Thales Falcão, Wilian, Tiago Mão, Johan, Renan Buiatti e o líbero Felipinho. Entraram durante a partida: Thierry, Armanelli, Wallaf e Vitor. Permaneceram no banco: Júnio e Fábio Paes.

O Funvic Natal, do técnico Javier Weber, na vitória sobre o Uberlândia começou com: Murilo Radke, Riad, Gabriel, Fábio, Felipe Brito, André e o líbero Thales Hoss. Entraram durante a partida: Matheus, Vitor Yudi, João Mossa e Emanuel. Permaneceu no banco: Symon.

A dupla de arbitragem escalada: Raimundo Felipe Azevedo Júnior e Fernando Antônio de Araújo Paes.

Mariana Luz/MLuz fotografia
Mariana Luz/MLuz fotografia
Os jogadores joseenses momentos antes da partida contra o Goiás


Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Jogando Juntos, em Regional

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.