Regional

São José fecha fase buscando vantagens para o mata-mata da reta decisiva

O time antecipou classificação e visita o eliminado Comercial podendo deixar a campanha ainda melhor

Escrito por Jogando Juntos

24 MAI 2021 - 20H00 (Atualizada em 24 MAI 2021 - 20H06)

Tião Martins/São José EC Águia 959 (Tião Martins/São José EC)

Na última rodada da fase de classificação do Paulista da Série A-3, o São José visita o Comercial de Ribeirão Preto nesta terça-feira, às 15h e vai em busca de vantagens para a reta decisiva do campeonato. Depois de antecipar a conquista da vaga nas quartas de final, encontra um adversário já eliminado.

A primeira fase tem os 16 times se enfrentando em turno único de 15 rodadas, sendo a última nesta terça-feira e com todas as oito partidas no mesmo horário. Depois, os oito melhores avançarão ao mata-mata e continuarão disputando as duas vagas de acesso à Série A-2 do ano que vem. Os dois últimos colocados serão rebaixados à Segunda (4ª) Divisão.

O mata-mata das quartas de final terá os confrontos definidos pela classificação da primeira fase: 1º colocado x 8º, 2º x 7º, 3º x 6º e 4º x 5º. No mata-mata, em cada confronto, o time com a melhor campanha geral terá as vantagens do segundo jogo em casa e da igualdade na soma de pontos e gols marcados.

O Noroeste de Bauru e o Votuporanguense anteciparam classificação na antepenúltima rodada, quinta-feira passada. São José, Barretos, Linense e Primavera de Indaiatuba, na penúltima, no sábado. As duas vagas restantes são disputadas por Marília, Nacional de São Paulo, Desportivo Brasil de Porto Feliz, Capivariano e Bandeirante de Birigui. Já eliminados, Comercial, Rio Preto e Olímpia cumprirão tabelas. assim como os já rebaixados Batatais e Penapolense.

A disputa

A classificação está assim: 1º – Noroeste (25 pontos); 2º – Linense, Barretos, Votuporanguense e São José (24); 6º – Primavera (23); 7º – Marília (20); 8º – Nacional e Desportivo Brasil (19); 11º – Bandeirante e Comercial (17); 13º – Rio Preto (16); 14º – Olímpia (13); 15º – Batatais (9) e 16º – Penapolense (6).

Os jogos da última rodada, nesta terça-feira: Comercial x São José, Noroeste x Rio Preto, Linense x Marília, Batatais x Barretos, Votuporanguense x Primavera, Nacional x Bandeirante, Penapolense x Desportivo Brasil e Capivariano x Olímpia.

O São José (6 vitórias e 4 gols de saldo) está na quinta colocação e ainda pode subir e terminar em primeiro. Teria que ultrapassar o Votuporanguense (6 e 6), o Barretos (7 e 4), o Linense (7 e 4) e Noroeste (7 e 8, além de um ponto a mais). Também poderá descer à sétima colocação, sendo superado por Primavera (6 e 5) e Marília (5 e 5).

Os oito times que avançarem às quartas de final poderão trocar até quatro jogadores da lista que permite o total de 26. Também poderão ser substituídos os contundidos que comprovadamente não conseguirão recuperação antes do final do campeonato. Por isso, o São José já pediu reposição para os casos do volante Josiel e do lateral-esquerdo Janilson.

Os times

Como a vaga nas quartas de final já está assegurada, o São José poderá poupar alguns jogadores, principalmente por causa do desgaste físico da maratona de partidas em um calendário apertado. Aparentemente, nem teriam viajado após o almoço desta segunda-feira: o lateral-direito Denis, o zagueiro Gutierrez, o meia Branquinho e os atacantes Lucas Lima e Gilsinho.

Do total de 26, o goleiro Vitor Prada e os contundidos Josiel e Janilson seriam os outros três que não estariam no grupo dos 18 relacionados para a partida: Thiago Santos, Douglas Mendes (goleiros), Carlos, Oliveira, Alex Barros (laterais), Douglas Mendes, Arthur, Dema (zagueiros), Pablo, Alan Lopes, Carlinhos (volantes), Lucas Gomes, Ícaro (meias), Anderson Magrão, Radsley, Santiago, Lucas Formiga e Eric Mamer (atacantes).

Nos 2 a 1 de sábado à noite sobre o Penapolense, o técnico Renato Peixe dirigiu a seguinte formação: Thiago Santos; Denis (Carlos), Gutierrez (Santiago), Dema, Arthur e Oliveira; Carlinhos (Pablo), Alan Lopes e Branquinho (Lucas Formiga); Radsley e Lucas Lima (Anderson Magrão).

O Comercial, no 0 a 0 de sábado com visita ao Bandeirante, teve o técnico Betão Alcântara e a seguinte equipe: Max Muralha; Luã Niger, Guilherme Mariano, Vitor Jugo e Felipe Santana (Cortez); Guilherme Pitbull, Juninho (Shallon) e Danillo Ribeiro; Gilvan (Guilherme Duarte), Rafael Tanque e Felipinho.

No estádio Francisco de Palma Travassos, a equipe de arbitragem terá: Ilbert Estevam da Silva (árbitro), Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (assistente 1), Fausto Augusto Viana Moretti (assistente 2), Ricardo Bittencourt da Silva (quarto árbitro) e Luiz Vanderlei Martinucho (avaliador de campo).

Tião Martins/São José EC
Tião Martins/São José EC
Santiago, Lucas Formiga, Anderson Magrão e Gutierrez na comemoração do gol da vitória sobre o Penapolense, que garantiu classificação antecipada


Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Jogando Juntos, em Regional

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.