Por Larissa Maria de Souza de Oliveira | EM Profª Braga Em Alunos Atualizada em 30 OUT 2020 - 16H55

Você já utilizou o SUS?

A importância incontestável do SUS para os brasileiros

Nesta semana, por um decreto e logo em seguida por sua revogação, o Sistema Único de Saúde (SUS) esteve no centro das discussões no país.

Um decreto assinado pelo presidente da república autorizava estudos para avaliar a possibilidade de conceder à iniciativa privada as Unidades Básicas de Saúde (UBS) tendo em vista a falta de recursos para o término de 4 mil UBS e 168 Unidades de Pronto Atendimento (UPA).

Rechaçado imediatamente por todos os secretários de saúde do país e com uma péssima repercussão nas redes sociais, o governo logo recuou, pois, o decreto foi entendido como uma possibilidade de “privatização do SUS”.

O direito de todos os brasileiros à saúde é previsto no artigo 196 da Constituição: “A saúde é direito de todos e dever do Estado, garantido mediante políticas sociais e econômicas que visem a redução do risco de doença e de outros agravos e ao acesso universal e igualitário às ações e serviços para sua promoção, proteção e recuperação”. O SUS foi criado em 1990 e é hoje um dos maiores programas de saúde do mundo.

E como era antes do SUS?

Só conhecendo a história poderemos valorizar o SUS que temos hoje, apesar de suas deficiências.

Antes de 1990 a saúde pública era responsabilidade do Instituto Nacional de Assistência Médica e Previdência Social (INAMPS). Aí que morava o grande problema. Pois somente tinham acesso a este sistema as pessoas que trabalhavam e tinham registro formal em carteira, cerca de 7,1% da população naquela época de acordo com o IBGE. Os demais brasileiros ficavam à mercê da saúde oferecida pelos estados e municípios, que ofereciam um atendimento mínimo pela falta de recursos.

Por fim, qualquer intervenção no SUS precisa levar em conta que, inclusive por causa da pandemia, é o único meio de cuidar da saúde de grande parte dos brasileiros e que não é por decreto que resolveremos as deficiências e os gargalhos do sistema.

Parceria: 




Com supervisão de Samuel Strazzer, jornalista do Portal Meon. 

Escrito por
Larissa (Arquivo Pessoal )
Larissa Maria de Souza de Oliveira | EM Profª Braga

Aluna do 8° ano do Ensino Fundamental II da Escola Municipal Professora Homera da Silva Braga, em São José dos Campos

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Exclusivo | Comissão Pré-Julgadora

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Meon, em Alunos

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.