Por Marcus Alvarenga Em RMVale

Alunos de arquitetura revitalizam áreas comuns de asilo em Lorena

Projeto 'Casa Real' da Unifatea promove ação social com estudantes

Patio - depois - web.JPG Alunos de arquitetura revitalizam áreas comuns de asilo em Lorena (unifatea)

Patio do abrigo de idosos foi totalmente reformulado

Divulgação/Unifatea

Alunos de Arquitetura e Urbanismo oa Unifatea (Centro Universitário Teresa D’Ávila) reformaram e revitalizaram o Abrigo de Idosos Maria de Nazareth, no bairro do São Roque, em Lorena. A entrega aconteceu neste domingo (22), com uma avaliação dos professores das disciplinas de Projeto Arquitetônico e Projeto Urbanístico e Paisagístico.

Mostramos que o projeto de arquitetura pode transformar criar novos ambientes e possibilitar diversas soluções criativas com baixo custo e sensações renovadas"

José Ricardo Flores Coord. do projeto

A intervenção arquitetônica na entidade faz parte do projeto ‘Casa Real’, que une alunos dos 3º e 4º anos, a cada dois anos, para aplicar o conhecimento em sala de aula em prol a comunidade. Neste ano, os universitários iniciaram as reuniões e apresentações dos projetos em maio, finalizando todo o processo em cinco meses.

"Com o apoio de professores e da instituição, os alunos identificaram as necessidades, produziram um projeto arquitetônico, buscaram recursos financeiros, planejaram e executaram a obra civil. A revitalização visa trazer mais funcionalidade aos espaços, segurança e bem-estar aos usuários, ao mesmo tempo em que busca despertar o papel social do arquiteto em contribuir com a sociedade”, conta o coordenador do curso de Arquitetura e Urbanismo do Unifatea, José Ricardo Faria Flores.

No abrigo, foram revitalizados 12 diferentes ambientes: oito em áreas internas e quatro em áreas externas, com interferências de fachada e paisagismo. Todo o processo foi acompanhado pelos professores e arquitetos Eduardo Venanzoni e Bárbara Sparenberg Juliano Nunes Alves e pelo coordenador arquiteto José Ricardo Flores Faria.

"Mostramos que o projeto de arquitetura pode transformar criar novos ambientes e possibilitar diversas soluções criativas com baixo custo e sensações renovadas. Essa ação promove uma rica experiência de troca, em que os estudantes levam à comunidade civil os conhecimentos específicos de arquitetura e urbanismo, e retornam à comunidade acadêmica com o conhecimento adquirido em suas atividades", afirma o coordenador.

Projeto

O ‘Casa Real’ já está na quarta edição e já realizou intervenções e mudanças em outras entidades de apoio a sociedade em Lorena: uma casa no interior do Unifatea (2011); o Lar de Idosos Vila Vicentina (2013); o Centro de Atendimentos aos Deficientes Visuais (Cadevi), em 2015.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Marcus Alvarenga, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.