Por Moisés Rosa Em RMVale

Consumidor vai pagar 5,5% mais caro nos produtos da Páscoa

20140327_chocolate_sincovat

Preço do ovo de Páscoa está 7,9% mais caro, segundo Sincovat

Divulgação/Sincovat

O consumidor vai ter que pagar 5,5% a mais nos produtos da Páscoa em 2014, se comparado com o mesmo período de 2013, segundo pesquisa divulgada, nesta quinta-feira (27), pelo Sincovat (Sindicato do Comércio Varejista).

Foram ouvidos 32 lojistas do setor de doces e chocolates de  Taubaté, Caçapava, Campos do Jordão e Ubatuba. A projeção é baseada nos dados do ano passado.

O item que puxou a variação foi o ovo de Páscoa, que teve aumento de 7,9% no valor em relação a Páscoa passada. Já os chocolates, subiram 5,4% e cervejas, 4,6%. Os importados também estão mais caros, com 6,7% do bacalhau, vinhos (5,2%) e azeites (4,9%).

"Com as contas em dia após o primeiro trimestre, os consumidores devem gastar mais neste período. É uma época muito boa para o comércio, que deve crescer em 12% se comparado com 2013", comenta o presidente da Sincovat, Dan Guinsburg.

Sobre o crescimento do mercado, o presidente da Sincovat relata que o setor está otimista e o faturamento da região está acima da média estadual. "Os comerciantes estão otimistas e projetam vender mais do que no ano passado. Eles já estão se preparando e recebendo as mercadorias para a Páscoa", diz.

Crescimento
O crescimento de 12% nas vendas do comércio das cidades pesquisadas pelo Sincovat está acima da média da expectativa nacional dos supermercados, que projetam 7,2% de aumento nas vendas, de acordo com estudo da Abras (Associação Brasileira de Supermercados).

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Moisés Rosa, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.