Entrevista
Por Da redação Em RMVale Atualizada em 18 NOV 2020 - 13H51

Entrevista: Prefeito reeleito, Izaias Santana (PSDB), fala sobre orçamento, obras e projetos para Jacareí

Governo dará continuidade à obras viárias e de infraestrutura, além de criar 8 novos parques, novas creches e UBS's



Reeleito em Jacareí, o atual prefeito Izaias Santana (PSDB), recebeu o Portal Meon para conversa sobre o processo eleitoral, balanço de mandato e projetos para os próximos anos. Após se consolidar na chefia do Executivo por mais 4 anos, com 50,98% dos votos, o que equivale a aprovação de 53.978 eleitores, o tucano subiu na preferência do público. Na primeira disputa, em 2016, Izaias havia conseguido 47.286 votos.

Durante entrevista, o prefeito destacou que no próximo mandato dará continuidade à obras viárias e de infraestrutura, além da criação de 8 novos parques, 6 novas creches e 2 UBS's. Também falou sobre o orçamento municipal e a retomada do desenvolvimento econômico, necessidade decorrente da pandemia da Covid-19. Veja entrevista completa:

Meon: Prefeito, em entrevista anterior ao Portal Meon, o senhor afirmou que sua candidatura à reeleição era necessária para dar continuidade ao trabalho realizado no atual mandato. Quais obras e projetos precisam ser finalizados e o que podemos esperar para o próximo mandato?

Izaias: O anel viária, que é o conjunto de intervenções em função da terceira ponte, isso precisa ser concluído. Precisamos, também, começar a ligação entre a Rodovia Nilo Máximo e a Geraldo Scavone, por trás do Cidade Salvador e do Santa Marina, essas são as principais obras viárias, e a Francisco Bicudo que é uma ligação entre o Maria Amélia e o Campo Grande. Além disso, nós temos o conjunto de parques que nós colocamos no nosso Plano de Governo, nós vamos começar fazendo 2 por ano para ver se a gente entrega os 8 parques em 4 anos e prosseguir com as obras de pavimentação nas ruas dos bairros que ainda não têm.

Izaias: Nós esperamos, ainda esse ano, autorização do Ministério para o início da duplicação da estação de tratamento, uma obra que vai durar mais ou menos uns 2 anos. Com isso a gente tem condições técnicas de chegar a 100% de esgoto tratado, mas precisa de vários troncos coletores na região do São João pra lá, na região Oeste, então tem o desafio do SAAE fazer esses investimentos. Nós precisamos concluir 6 creches, 2 estão em construção e temos mais 4 projetadas. Vamos fazer 2 novas UBS’s, que já estão aí com prédio definido, e fazer a nossa sede da escola em tempo integral, que vai ser a casa Darci Ribeiro, agregando toda a população estudantil da região Oeste. Esses são os investimento previstos. Além disso, nós temos que cuidar de reforçar toda a oferta de consulta, remédios, exames e redução de filas na saúde, um esforço que vamos fazer já nos próximos 2 anos, melhorar cada vez o atendimento na saúde.

Veja, na íntegra, o Plano de Governo de Izaias Santana para os próximos 4 anos em Jacareí.

Meon: Sobre a retomada da economia, em decorrência da pandemia da Covid-19, como suprir as necessidades da população, tanto na área da saúde, quanto na economia, com a manutenção da crise econômica e a geração de emprego e renda?

Izaias: No tocante à assistência hospitalar, ela está garantida, nós temos recursos e sempre o Governo Federal irá nos ajudar. No tocante à retomada da economia, nós temos que culminar um conjunto de medidas e elas devem ser iniciadas pelo Governo Federal que é o grande responsável pelo fomento da atividade econômica, industrial e comercial. Nós estaremos sempre abertos para, a partir das diretrizes dos Governos Federal, adaptar naquilo que é possível. Várias iniciativas já foram dadas nesta gestão e vamos discutir mais, principalmente para o comércio, profissionais liberais e classe artística porque a gente precisa ajudar. Não há ainda um conjunto definido porque isso precisa ser feito depois que o Governo Federal apresentar suas medidas e depois que a gente conversar com os interessados para gente saber, realmente, o que eles precisam além daquilo que os Governos Federal e Estadual oferecerem.

Meon: Sobre o orçamento municipal, como Jacareí encerra o caixa em 2020? 

Izaias: Tudo dentro da normalidade, é evidente que nós precisamos verificar o fluxo de recursos, então no final de ano, geralmente o Governo Federal ajuda, suplementa com alguns recursos e a gente precisa ver se temos condições de pagar tudo o que está programado, se não tivermos a gente tem que reduzir o custeio um pouquinho mais, não ter mais investimentos em termos de obras públicas para começar um novo orçamento em Janeiro, sem déficit, sem restos a pagar ou se tiver, que sejam valores que possam ser pagos nos três primeiros meses, essa é a legislação: que se pode deixar dívida de um ano para o outro, desde que você tenha sobra nos três primeiros meses do ano seguinte para liquidar sem prejuízo de serviços essenciais. Nós fizemos isso em todos os anos, tanto é que as contas de 2017 já foram aprovadas, as contas de 2018 já têm parecer favorável do Tribunal de Contas, devem ser submetidas à Câmara Municipal em breve e com essa responsabilidade eu tenho convicção de que não teremos dificuldades a partir de Janeiro.

Meon: Como o senhor se avalia na administração pública de Jacareí?

Izaias: Eu acho que a gente sempre deve ter em mente que pode melhorar e pode avançar, mas a nossa consciência nos deixa tranquilo quando nós estamos certos de termos feito tudo que estava ao nosso alcance e eu tenho essa consciência tranquila de que me esforcei, de que procurei resolver todos os problemas, que me dediquei com muita ênfase a esse Governo, e que não é uma vontade do prefeito que faz as coisas acontecerem, depende de diversos fatores, o importante é a gente ter os destinos, os rumos definidos, critérios para fazer determinadas escolhas e submeter-se ao julgamento popular.

Meon: A reeleição era esperada?

Izaias: Olha, eu estou muito grato, acho que o reconhecimento popular, a gente tem expectativa, mas é sempre necessário esperar essa confirmação. Acho que a votação, e principalmente, a distância entre a minha votação e a votação do segundo colocado, que defendeu um mandato de 16 anos de avanços e alguns problemas, mas muitos avanços, é uma afirmação forte de que Jacareí quer olhar para o futuro e de que o passado já passou mesmo e pertence aos museus, pertence aos historiadores. Isso foi uma demonstração de que queremos olhar para frente, queremos o futuro. Estou muito feliz, muito satisfeito e me sinto recompensado por toda a dedicação, por todo o esforço. É muito gratificante ser consagrado pelo eleitor.

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Da redação, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.