Por Meon Em RMVale

Homem é detido acusado de caçar animais silvestres, mas é liberado após pagamento de fiança em Guará

Na residência foram apreendidas carnes de paca, armas e munições

carne_de_paca_armas_e_municao_guara_policia_ambiental

Uma das armas apreendidas foi identificada como produto de roubo

Divulgação/PolíciaMilitarAmbiental

A Policia Militar Ambiental apreendeu carne de animais silvestres, armas e munições em Guaratinguetá nesta segunda-feira (19). Um homem foi preso, mas liberado logo em seguida por pagamento de fiança.

De acordo com a PM, os policiais receberam uma denúncia anônima sobre caça ilegal  no bairro da Jararaca. Durante fiscalização no local, a equipe encontrou duas armas de fogo (uma espingarda e um revólver), munições e três pacas abatidas, uma espécie de roedor da fauna silvestre, prontas para o consumo. Uma das armas apreendidas foi identificada como produto de roubo na cidade de São Paulo

O homem foi levado para a Delegacia e detido, mas liberado posteriormente após pagamento de fiança no valor de R$ 1.000 mil. Mesmo assim, o acusado foi multado e responderá por crime ambiental, posse irregular de arma e receptação.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Meon, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.