Por Elaine Rodrigues Em RMVale

Juventude Tucana joseense reprova pré-candidatura de Victória Xavier

vicxavier

George Zenha e Victória Xavier em campanha de 2012

Reprodução/Facebook

A Juventude Tucana de São José dos Campos declarou nesta terça-feira (24) que não apoia a pré-candidatura de Victória Xavier à Câmara de Deputados em Brasília. A declaração é uma das reações por parte do Diretório Municipal do PSDB, um dia após a suplente de vereador declarar sua pré-candidatura à deputada federal, pela executiva estadual.

"Estamos com Eduardo Cury (pré-candidato à deputado estadual) e Hélio Nishimoto (pré-candidato à deputado estadual).Quem seriam os nossos candidatos foi uma questão fechada há alguns meses atrás, e sobre a Victória, ficamos sabendo pela imprensa, ela nunca disse nada, nem estava vindo nas reuniões", afirma George Lucas Zenha, presidente da Juventude Tucana em São José.

Victória Xavier é vice-presidente da Juventude do PSDB na cidade, mas segundo o grupo, não comparece há alguns meses nas reuniões, e nem tem se envolvido na vida no partido. "Eu também faço parte da executiva estadual, da qual o Paulo Mathias, que apoia a candidatura da Victória, é presidente. Mas mesmo nas reuniões estaduais, nunca foi discutida ou proposta esta candidatura. Não entendo de onde veio essa história", conclui Zenha.

Procurada pelo Meon, até o fechamento desta reportagem, a pré-candidata não comentou as declarações.

Reclamações
O Meon apurou que Eduardo Cury esteve nesta terça-feira (24) no diretório estadual do PSDB em São Paulo para discutir a pré-candidatura aparentemente imposta de Victória Xavier à deputada federal pela legenda.

Segundo fontes ouvidas pela reportagem, Cury teria ido exigir que o diretório retirasse a candidatura, ou que não homologasse o pedido no próximo domingo na convenção estadual.  

Nesta segunda-feira (23), o presidente do PSDB em São José dos Campos, Anderson Farias Ferreira, disse que não é comum a executiva estadual passar por cima do que é trabalhado nos diretórios municipais. "Não sei se vão oficializar essa candidatura, mas somos um partido, o que a executiva estadual decidir, vamos acatar. Contudo, a Victória não terá nosso apoio", destaca.

Procurado pela reportagem, o pré-candidato à deputado federal Eduardo Cury não quis se manifestar sobre o assunto.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Elaine Rodrigues, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.