Por João Pedro Teles Em RMVale

Novo delegado de Guará promete eficiência nas investigações

Com aumento de aproximadamente 50% no número de homicídios em relação ao ano passado, de acordo com números da SSP (Secretaria de Segurança Pública do Estado), a cidade de Guaratinguetá está com novo comando na delegacia seccional. O delegado Márcio Marques Ramalho assume nesta sexta-feira (4) com o desafio de reverter o quadro.

Guará apresentou cerca de 50% de aumento no número de homicídios em relação a 2013

Guará foi uma das únicas cidades da RMVale que não acompanhou a diminuição nos índices de violência de acordo com o último relatório da SSP, que apontam furtos, roubos e homicídios cometidos até o mês de maio. Embora ainda seja a mais violenta do interior paulista, a região apresentou queda de 6% no índice de homicídios comparados ao ano passado.

De acordo com o delegado, a palavra que deverá definir a sua gestão a frente da delegacia seccional da cidade é eficiência. Ramalho quer melhorar e modernizar processos afim de que as investigações tornem-se mais ágeis.

“Quando chegar, vou sentar com meus colegas e primeiramente vamos estudar à fundo toda a situação da cidade. É preciso identificar qual nossa situação e começar a trabalhar”, explica.

Atual delegado do 3º DP de São José dos Campos, Ramalho nega que tenha sido remanejado para diminuir uma escalada de violência na cidade. O delegado inclusive faz elogios à comandante que está deixando o cargo, a delegada Sandra Vergal.

De acordo com Ramalho, a seccional está a frente de outras na qual já trabalhou. Para o delegado, a mudança de comando nas seccionais é uma medida normal.

“É questão de arejar os procedimentos e apresentar novos desafios para os profissionais da Polícia Civil. Vou implantar meu ritmo de trabalho que é justamente dar muita ênfase para o trabalho de investigação, contribuindo para a diminuição dos índices de criminalidade”, comenta.

Perfil
Com 44 anos de idade, o delegado começou a trabalhar na polícia aos 18 anos como escrivão. Formado em direito, o profissional, que é natural de Bauru, iniciou a carreira como delegado em 1996. Desde então, passou por São Paulo, Santo Antonio do Pinhal, Jambeiro e Caçapava.

“Gosto muito dessa área e a população pode esperar muito trabalho de toda a equipe. Devemos lembrar que o papel de manter a segurança não é só da polícia, mas de toda a comunidade, portanto, espero contar com o apoio dos moradores e da prefeitura”, diz.

Dança das cadeiras
Além de Guará, a Polícia Civil promove outras mudanças no comando de cidades da RMVale. A dança das cadeiras também passou pela seccional de Jacareí. Na delegacia, José Gonzaga Pereira da Silva Marques assume o posto de Célio José da Silva.

Já na Delegacia de Defesa da Mulher de São Sebastião, a delegada Elyana Aparecida Camargo deixa o cargo. A DDM ainda não informou por quem a delegada será substituída.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por João Pedro Teles, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.