Por Meon Em RMVale Atualizada em 05 JUL 2020 - 15H06

Família encontra corpo de idoso de 86 anos que havia desaparecido em Caraguatatuba

A família procurou nossa reportagem para atualizar o caso

Arquivo Pessoal
Arquivo Pessoal


O corpo de Lauristano Vieira dos Santos, de 86 anos, foi encontrado na tarde deste domingo (05). Ele estava desaparecido desde o dia 28 de junho, no bairro Jaraguá, em Caraguatatuba. 

A família encontrou em contato com a nossa reportagem para atualizar o caso. As informações que eles receberam é que o corpo está em um local de difícil acesso e a polícia ambiental foi acionada. 

*matéria em atualização*

Entenda o caso

Segundo a família, por volta das 10h, o idoso disse que iria “esticar as pernas” nas proximidades da residência. Ele tinha o costume de dar uma caminhada, já que sofria de varizes. Após passar meia hora, a família se preocupou já que o senhor não retornou. Testemunhas teriam dito que ele foi avistado próximo a um ponto de ônibus e também no bairro da Enseada.

De acordo com Boletim de Ocorrência, a família fez buscas em hospitais e diversos pontos das cidades de Caraguatatuba e São Sebastião. Além do apoio da polícia, a família solicitou ajuda da GCM de ambas cidades.

Marcos Damacesno, esposo de uma das netas da vítima, contou que receberam informações de que na última terça-feira (30), sr. Lauristano foi visto no Canto do Mar, em São Sebastião. Já na quarta-feira (01), ele teria sido visto em São José dos Campos.

Damacesno ainda disse que o idoso sofre com alguns surtos de amnésia e que estavam sendo mais frequentes. A família acredita que ele enfrentava uma depressão.


Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Meon, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.