Por Conteúdo Estadão Em Noticias

Senadores abrem sessão da CPI da Covid na qual Pazuello será ouvido

A CPI da Covid abriu pouco depois das 9h desta quarta-feira, 19, a sessão em que será ouvido o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello. O testemunho do general é um dos mais aguardados pela CPI, já que Pazuello foi quem esteve mais tempo à frente da pasta durante a crise sanitária do País. General do Exército, Pazuello chegou ao Senado sem a farda, usando terno e gravata. A vestimenta que o ex-ministro usaria na CPI foi alvo de discussão entre seus integrantes, em razão do envolvimento do Exército na imagem da gestão de Pazuello. O ex-ministro começou a falar pouco antes das 9h30.

Pazuello, no entanto, comparece à CPI resguardado por uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que lhe garante o direito a ficar em silêncio durante perguntas que possam o autoincriminar perante o colegiado. O general foi o único ministro da Saúde a não ser ouvido pelo grupo em sua primeira semana de trabalho devido à alegação de Pazuello de ter tido contato com servidores que testaram positivo para covid-19.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Conteúdo Estadão, em Noticias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.