O presidente Flávio Carloto sendo entrevistado no jornal Nossa Jacareí (Foto: Reprodução)

Flávio Carloto sendo entrevistado no jornal Nossa Jacareí

Reprodução

O Jacareí Atlético Clube vai reativar o seu time de futebol profissional. O desafio foi encarado pelo empresário Flávio Carloto, aclamado novo presidente do clube para um mandato de dois anos e com projeto para seis. Desinterditar e recuperar o estádio da cidade é um dos principais obstáculos para o retorno na temporada 2017.

A crise do Jacareí começou no segundo semestre de 2014, durante o Campeonato Paulista da Segunda (4ª) Divisão. Com o estádio Stavros Papadopoulos fechado para o público, o time foi muito mal e saiu eliminado logo na primeira fase, gerando um desânimo total.

A interdição surgiu porque o Jacareí quis ajudar o São José no primeiro semestre. Com o estádio de São José dos Campos (Martins Pereira) foi fechado para uma reforma de modernização, o time joseense disputou o Paulista da Série A-2 na casa dos jacareienses, que na realidade é municipal. E quando em um jogo contra o Guarani houve confusão entre torcedores, os questionamentos resultaram em uma decisão drástica.

A Polícia Militar considerou que o estádio necessitava de algumas obras de segurança para ser liberado. E como a Prefeitura não quis investir no local e a diretoria do presidente Iedson Pereira não tinha capacidade financeira para assumir compromissos, o Jacareí nem participou do campeonato do ano passado.

Neste ano, em final de mandato e sem recursos para montar um time e também recuperar o estádio, o presidente Iedson Pereira não inscreveu o Jacareí para o campeonato que está em andamento. Assim, pela segunda temporada consecutiva, a cidade ficou sem futebol profissional e com o Stavros Papadopoulpos fechado e abandonado.

Empresário da cidade
Preocupados com o risco de uma desativação definitiva, ex-dirigentes e conselheiros do Jacareí foram em busca soluções. Encontraram um empresário da cidade e que já esteve próximo de equipes de outras modalidades como o futsal e o basquete.

Flávio Carloto, que há quase nove anos vive em Jacareí com a sua empresa C-TAP (Centro de Treinamento e Aperfeiçoamento Profissional), topou o convite para ser o novo presidente. Recentemente, ele foi lembrado por ter apostado na camisa do Fortaleza. Colocou a marca da sua empresa em evidência e o time cearense eliminou o Flamengo com duas vitórias pela Copa do Brasil.

A camisa do Fortaleza com a logomarca da empresa do novo presidente do Jacareí (Foto: Reprodução)

Camisa do Fortaleza com a logomarca da empresa de Carloto

Divulgação

Com o novo presidente empossado desde o último dia 16, a diretoria do Jacareí já entrou em contato com a Federação Paulista de Futebol. Avisou que deseja voltar no campeonato do ano que vem e recebeu autorização para trabalhar nesse sentido. E se confirmar o retorno, já terá um adversário da região definido, porque o São José foi rebaixado na Série A-3 deste ano e pela primeira vez disputará a Segunda (4ª) Divisão.