Por Nicole Almeida Em RMVale Atualizada em 25 MAR 2020 - 15H45

Psicóloga dá dicas de como se organizar para trabalhar em casa; veja vídeo

No combate à pandemia do coronavírus, muitas empresas estão adotando o home office como medida de prevenção à propagação da doença; saiba como se preparar

Em meio à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), muitas empresas estão adotando o home office como medida de prevenção à propagação da doença.

É nesse cenário, que trabalhadores podem encontrar dificuldades e barreiras para se organizarem e realizar um trabalho produtivo.

A psicóloga Fabiana Luckemeyer orienta e dá dicas para quem vai trabalhar de casa nos próximos dias: “Foco, organização e disciplina são três pontos importantes”.

1- Reunião familiar

A primeira medida que a psicóloga orienta é ter uma reunião familiar e explicar para as pessoas com quem mora que vai trabalhar em casa e precisa que respeitem esse espaço e momento de trabalho.

Isso evita que haja intromissão de outras pessoas ou barulho externo enquanto estiver em uma reunião, vídeo conferencia ou conversando com pacientes.

2- Organizar seu espaço

“Arrume um canto da casa pra ser seu escritório ou consultório, coloque papel, caneta, tudo perto de você, para não arranjar desculpa para levantar e se distrair com outras coisas”, diz.

Segundo a psicóloga, com isso, cria-se o hábito de ir para um lugar da casa e exercer continuamente seu trabalho lá.

3- Checklist com metas

Feito a reunião e organizado seu espaço, faça um checklist das suas metas diárias. Por exemplo, ligar para certo número clientes por dia, atender pacientes, separar um tempo para analisar métricas nas redes sociais.

“Quanto maior a liberdade, maior a auto-gestão", aprenda a administrar suas próprias tarefas, explica. 

4- Programar rotina

“Faça sua rotina, planeje acordar, tomar banho, tomar café, deixar uma garrafinha de água e algumas coisas para beliscar”, isso ajuda a otimizar seu tempo.

5- Ter cuidado com alimentação

Tenha cuidado ao consumir bebidas alcoólicas, guloseimas e refrigerante no dia-a-dia, deixe o consumo desses produtos para os finais de semana. 

“A situação vai gerar uma ansiedade grande nas pessoas, e uma forma de compensar é comer, beliscar coisas o tempo inteiro. Tem que tomar cuidado com essa rotina. Parece um detalhe, mas isso faz com que a gente adquira hábitos nocivos pra quando a gente voltar ao normal”, alerta.

6- Escolher a melhor ferramenta de trabalho

Fabiana aconselha que cada empresa defina um canal de comunicação para falar com seus funcionários. Muitas vezes usar o WhatsApp para cumprir essa função, pode dispersar a atenção das pessoas. Por isso, ela sugere que usem outro canal de comunicação para assuntos do trabalho.

7- Definir trabalhos domésticos

Para finalizar, é importante que também conversem com as pessoas que convive sobre as tarefas diárias de casa, e as dividam de maneira que não sobrecarregue para nenhum dos lados

“Esse momento pode gerar muito estresse, ansiedade, depressão, então um precisa ajudar o outro, ter paciência e aprenderem a conviver juntos”, finaliza. 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Nicole Almeida, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.