Segunda-feira, 07 de Junho de 2021

Meon Jornal 18a Ed.

Editorial: Abre e fecha. Imunização é o único caminho

Nesta semana fomos surpreendidos pelo aumento de casos da Covid-19 em nossa região. O prefeito de São José dos Campos, personagem extremamente atuante na condução sem politicagem da pandemia, chegou ao ponto de fechar supermercados, hipermercados, farmácias, grandes lojas, enfim todo comércio com mais de 250m2, durante o feriado prolongado de Corpus Christi. E olha que São José dos Campos tem feito o dever de casa.

Começo o editorial com esta situação para enfatizar que há apenas um caminho, a imunização em massa de nossa população. Se continuarmos a conta gotas, a instabilidade do trato à pandemia otimizará o vírus. Por incrível que pareça, até o comandante em chefe da nação mudou o discurso e agora passa a celebrar a vacina como uma conquista brasileira superior às de seus times do coração, parece haver vários, um para cada torcida. Doria, desisti por completo. E Lula, parece ter dado um descanso em sua imagem, para ganhar um pouco mais de musculatura para o confronto final que se avizinha.

Nós do Grupo Meon de Comunicação continuamos em marcha rumo à imunização coletiva, reverberando boas práticas e celebrando um milhão de doses destinadas à Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte. Em Brasília, ao invés da prática ilusória e absurda da politicagem e machismo explícito de senadores oposicionistas, parece ser o tempo perfeito para maximizar a aquisição de mais imunizantes e otimizar as relações entre os entes.

Precisamos ter ciência de que, se a normalidade não for futuro próximo, a anormalidade do processo político perdurará e será ainda mais fatal que o novo coronavírus. Vacina para todos!

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação, em Jornal

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.