Por Conteúdo Estadão Em Noticias

Bolsas da Ásia fecham sem direção única, após Fed aliviar temores sobre inflação

As bolsas da Ásia e do Pacífico fecharam sem direção única e com variações modestas nesta quarta-feira, 26, após dirigentes do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) reafirmarem uma postura de política monetária acomodatícia, ajudando a reduzir temores sobre pressões inflacionárias.

O índice acionário japonês Nikkei subiu 0,31% em Tóquio hoje, a 28.642,19 pontos, enquanto o Hang Seng avançou 0,88% em Hong Kong, a 29.166,01 pontos, e o Taiex registrou alta de 0,29% em Taiwan, a 16.643,69 pontos.

Na China continental, o Xangai Composto se valorizou 0,34%, a 3.593,36 pontos, renovando máxima em três meses, mas o Shenzhen Composto teve perda marginal de 0,06%, a 2.380,56 pontos.

Já o mercado sul-coreano ficou levemente no vermelho, com queda de 0,09% do Kospi, a 3.168,43 pontos, após um pregão volátil.

Ontem, o vice-presidente do Fed, Richard Clarida, disse que seu cenário-base indica inflação "transitória" nos EUA, mas garantiu que o BC americano dispõe de ferramentas para lidar com eventuais pressões de preços mais persistentes sem comprometer a recuperação econômica. Clarida também argumentou que o recente salto da inflação é causado principalmente pela reabertura da economia, após a crise gerada pela pandemia de covid-19.

Outros dirigentes do Fed têm feito afirmações semelhantes, aliviando temores de que a inflação pudesse antecipar a normalização da política monetária.

Na Oceania, a bolsa australiana ficou em território negativo hoje, influenciada por ações de mineradoras e petrolíferas. O S&P/ASX 200 caiu 0,32% em Sydney, a 7.092,50 pontos. (Com informações da Dow Jones Newswires).

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Conteúdo Estadão, em Noticias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.