RMVale

15 mil unidades consumidoras esperam ser beneficiadas com nova estação de energia em São Sebastião

O objetivo é expandir a capacidade do sistema energético da cidade em 24%. Obra está em fase de construção e tem previsão de energização para dezembro deste ano

Escrito por Fernanda Niquirilo

07 ABR 2021 - 15H35 (Atualizada em 07 ABR 2021 - 16H17)

Divulgação nova estação de energia em São Sebastião (Divulgação)

A EDP iniciou as obras da ETD (Estação de Transformação de Energia) Olaria, no município de São Sebastião. Com investimento de mais de R$ 23 milhões, a ETD beneficiará aproximadamente 15 mil unidades consumidoras diretamente, entre residências, comércios e indústrias.

Localizada no bairro que leva o mesmo nome da instalação, a subestação Olaria está em fase de construção, e a previsão para sua finalização é dezembro deste ano. A obra tem objetivo de acompanhar o crescimento e desenvolvimento econômico da região nos próximos anos e também trazer mais robustez e flexibilidade operacional ao sistema já existente do município.

Atualmente, São Sebastião conta com quatro subestações e, com a ETD Olaria, o sistema energético local será expandido em 24%, passando dos atuais 123 MVA para 153 MVA.

A nova subestação terá capacidade de 30 MVA, distribuídos entre seis alimentadores de média tensão. A unidade contará também com um sistema de acústica para evitar a propagação do som para o meio externo e dois transformadores com óleo vegetal, reforçando os princípios de mitigação do impacto ao meio ambiente.

A estação é 100% digitalizada e tem sua supervisão, comando, controle e proteção operados e supervisionados de forma remota, via COI (Centro de Operação Integrado) da Companhia.

Para conectar a ETD Olaria ao sistema da Distribuidora, está sendo construída uma nova rede aérea com 2,8 km de extensão, com tecnologias de fiação compacta e protegida, mais resistentes a agentes externos como a vegetação, principal fator de interferência no sistema elétrico local.

Neste percurso, serão implantados 29 postes e instalados cinco equipamentos de proteção e de manobras de carga.

“Como parte do nosso robusto plano de investimentos previstos para este ano, esta obra tem como objetivos garantir a segurança do abastecimento de energia elétrica, e reforçar a confiabilidade e a qualidade do fornecimento de energia nesta importante região do estado”, afirma João Brito Martins, vice-presidente de Distribuição da EDP no Brasil.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Fernanda Niquirilo, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.