RMVale

Câmara de São José aprova moção de repúdio contra Lula por fala sobre guerra na Ucrânia

Ex-presidente afirmou em recente entrevista à revista Time que " Zelensky tem tanta culpa quanto Putin" no conflito do Leste Europeu

Escrito por Gabriel Campoy

11 MAI 2022 - 09H13

Reprodução / Internet

A Câmara de São José dos Campos aprovou na sessão desta terça-feira (10) uma moção de repúdio contra o ex-presidente Lula (PT) por ele ter dito que o presidente da Ucrânia, Volodymir Zelensky, "tem tanta culpa quanto Putin" na guerra do Leste Europeu.

O texto foi apresentado pelo vereador Thomas Henrique (NOVO) e acabou aprovado com apenas dois votos contrários — das vereadoras Amélia Naomi e Juliana Fraga, ambas do PT.

De acordo com o parlamentar autor da moção contra Lula, a fala do ex-presidente é "ofensiva" e "desprestigia um chefe de estado que está defendendo seu território". Ele ainda afirmou que a fala do petista "compromete a relação entre Brasil e Ucrânia".


Entenda

No último dia 4 de maio o ex-presidente Lula foi capa da revista estadunidense Time, em que é chamado de "o presidente mais popular do Brasil".

O petista foi entrevistado por jornalistas das revista e, em uma de suas falas, afirmou que o presidente ucraniano Volodymir Zelensky também tem culpa na guerra que acontece no Leste Europeu.

“Você fica estimulando o cara [Zelensky] e ele fica se achando o máximo. Ele fica se achando o rei da cocada, quando na verdade deveriam ter tido conversa mais séria com ele: ‘Ô, cara, você é um bom artista, você é um bom comediante, mas não vamos fazer uma guerra para você aparecer’. E dizer para o Putin: ‘Ô, Putin, você tem muita arma, mas não precisa utilizar arma contra a Ucrânia. Vamos conversar!’”, disse na ocasião.

Lula ainda disse em um segundo momento na entrevista que, caso o presidente ucraniano não quisesse a guerra, "ele teria negociado um pouco mais".

“Ele [Zelensky] aparece na televisão de manhã, de tarde, de noite, aparece no parlamento inglês, no parlamento alemão, no parlamento francês como se estivesse fazendo uma campanha. Era preciso que ele estivesse mais preocupado com a mesa de negociação”, completou o ex-presidente.

A fala não foi bem vista no meio político nacional. Diversos partidos, políticos e figuras públicas criticaram fortemente o discurso de Lula.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Gabriel Campoy, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.