RMVale

Como serão as escolas integrais da RMVale?

Mais de 40 escolas da região passarão a atuar como instituições de ensino integral; Secretaria de Educação se prepara para a inauguração em 2022

Escrito por Ana Lígia Dal Bello

03 AGO 2021 - 19H50 (Atualizada em 03 AGO 2021 - 20H45)

Secretaria da Educação do Estado de São Paulo ensino (Secretaria da Educação do Estado de São Paulo)

Depois de ter incluído 49 escolas da RMVale no PEI (Programa de Ensino Integral) e mais de 700 em todo o estado, o Governo de SP se prepara para inaugurá-las em 2022. Esta modalidade de ensino abrange 1.855 escolas em todo o estado. O programa já existe desde 2012.

O Portal Meon entrevistou a coordenadora de Ensino Integral, Bruna Waitman, da Secretaria Estadual de Educação, para saber como funcionará o modelo integral.

Investimento

De acordo com a coordenadora, o investimento nessa etapa do PEI foi de R$ 800 milhões, que incluem a contratação de mais professores, aquisição de materiais e outras despesas.

Os professores que já atuam na unidade que passará a ser integral terão prioridade. O PEI foi implantado “em todas as escolas cuja comunidade discutiu o projeto, em que os profissionais se mobilizaram pelo programa, onde se apresentaram evidências”, explica Waitman.

Grade curricular

A grade curricular do PEI inclui Tutoria individual, Nivelamento, Protagonismo Juvenil com Clubes Juvenis e Líderes de Turma, além de componentes curriculares específicos, como Orientação de Estudos e Práticas Experimentais, que potencializam a formação integral do estudante.

“Muita gente acha que a escola integral é sobre ter mais tempo, mas é sobre o que fazer com esse tempo”, afirma.

“Todos esses itens levam ao grande diferencial, que é o fortalecimento do vínculo entre aluno e escola e o impacto na aprendizagem e desenvolvimento dos estudantes”, continua Waitman.

Horários de funcionamento

As escolas terão dois modelos de horários. Das 7h às 16h ou dois turnos de sete horas cada; o primeiro, das 7h às 14h e o segundo das 14h15 às 21h15, “que garante ao estudante que trabalha a possibilidade de conciliar trabalho e estudo”.

Haverá três intervalos, em que o do almoço é o mais longo – uma hora.

A inclusão de mais escolas no PEI é “um avanço muito importante para o estado. O objetivo da Meta 6 do Plano Nacional da Educação é que em 2024, 25% dos alunos sejam atendidos por escolas integrais. São Paulo atingiu esse objetivo já em 2022”, comemora a coordenadora.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Ana Lígia Dal Bello, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.