Por Conteúdo Estadão Em Noticias

Setor industrial impulsiona e consumo de gás natural sobe 12,3% no 1º tri

O consumo de gás natural no Brasil alcançou 70,7 milhões de metros cúbicos por dia (m/3) no primeiro trimestre do ano, uma alta de 12,3% ante o mesmo período do ano anterior, puxado pelo consumo na indústria, que foi 28,4 milhões de m/3 em média no período, uma alta de 7,2% na mesma base de comparação, de acordo com dados da Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras de Gás Canalizado (Abegás).

"A recuperação da indústria é um sinal positivo. Já há mais de 3.500 indústrias ligadas à rede das concessionárias em 16 estados e o crescimento do consumo desse segmento funciona como um indicador de atividade, ainda que abaixo da expectativa para esse ano por conta da segunda onda de covid-19. Nossa expectativa é que, com o avanço da campanha de vacinação, esses números possam melhorar no segundo trimestre", diz o presidente da entidade, Augusto Salomon.

Por segmento, o consumo de gás para geração elétrica foi de 31,2 milhões de m/3 no primeiro trimestre, volume 24,2% maior que o visto no mesmo período de 2020, enquanto no setor de cogeração houve ligeira alta de 0,5% no consumo, para 2,3 milhões de m/3 no trimestre.

Já outros segmentos de consumo continuam a sofrer com os impactos da pandemia. Um exemplo é o automotivo, que registrou 5,4 milhões de m/3 no período, uma queda de 5,1% no volume.

O mais afetado foi o segmento comercial, que viu uma queda de 19%, enquanto o segmento residencial permaneceu praticamente estável, com uma variação negativa de 0,8%, para 1,137 milhão de m/3.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Conteúdo Estadão, em Noticias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.