Por Conteúdo Estadão Em Noticias

Bolsas de NY fecham sem sinal único, com Fed e PMI dos EUA no radar; techs recuam

As bolsas de Nova York fecharam sem sinal único nesta sexta-feira, 21, em sessão marcada pela publicação de indicadores nos Estados Unidos e discursos de dirigentes do Federal Reserve (Fed, o banco central americano). Os índices acionários começaram o dia em alta, seguindo uma recuperação após as baixas na semana, mas perderam impulso ao longo do dia, pressionados pelo recuo do setor de tecnologia. Entre os movimentos que vem sendo observados pelo mercado do setor, a volatilidade das criptomoedas continuou, com o bitcoin chegando a cair mais de 10%.

O índice Dow Jones avançou 0,36%, em 34.207,84 pontos, o S&P 500 caiu 0,08%, a 4.155,86 pontos, e o Nasdaq teve baixa de 0,48%, a 13.470,99 pontos. Na comparação semanal, os dois primeiros caíram 0,51%, 0,43%, respectivamente, e o terceiro subiu 0,30%.

Divulgado hoje, o índice de gerentes de compras (PMI) composto dos EUA subiu de 63,5 em abril para 68,1 em maio, no maior nível da série histórica. "As fábricas e serviços dos EUA estão tendo um crescimento inspirador, o que sugere que essa economia deve continuar aquecida por alguns meses, aumentando os temores de que o Fed terá de diminuir os juros antes do esperado", diz o analista de mercado Edward Moya, da Oanda.

Com as sinalizações de possível aperto da política monetária após a publicação da ata da reunião mais recente do Fed, as posturas dos dirigentes do BC dos EUA em discursos ganharam mais atenção dos mercados. Hoje, em entrevista, o presidente da distrital da Filadélfia, Patrick Harker, disse que é preciso discutir a redução do programa de relaxamento quantitativo (QE, na sigla em inglês) "antes cedo que tarde". Até então, o presidente da regional de Dallas, Robert Kaplan, havia sido o único dirigente a destoar do discurso encabeçado pelo presidente da instituição, Jerome Powell, de que ainda não é o momento para se tratar desse assunto.

Entre as empresas, o destaque foi a Ford, cujo noticiário nos últimos dias deu sinalizações de uma maior adesão da empresa ao segmento de veículos elétricos. Depois de subir mais de 3% ontem, as ações da Ford tiveram alta de 6,73% hoje.

Já a Tesla caiu 1,01%, em uma semana de intensa volatilidade do bitcoin, ativo que a empresa chegou a aceitar como forma de pagamento pelos veículos que vende. Depois de subir ontem, outras gigantes de tecnologia recuaram hoje, como Facebook (-0,75%), Apple (-1,48%), Amazon (-1,37%) e Alphabet, que controla o Google (-0,56%).

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Conteúdo Estadão, em Noticias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.