Por Samuel Strazzer Em RMVale Atualizada em 15 JUN 2021 - 12H09

Brasil assina acordo de colaboração com programa da Nasa que irá à Lua em 2024

“Esse é um esforço da humanidade para conquistar o espaço profundo. Esse é um esforço que o Brasil não poderia ficar de fora de jeito nenhum”, disse o ministro e astronauta Marcos Pontes

Reprodução / TV Brasil
Reprodução / TV Brasil


Na manhã desta terça-feira (15), o Brasil assinou um acordo com a Nasa (National Aeronautics and Space Administration) - agência espacial americana - para colaboração com missões à Lua. O documento foi assinado por Marcos Pontes, astronauta e ministro do MCTI (Ministério da Ciência e Tecnologia e Inovações). O presidente da República, Jair Messias Bolsonaro (sem partido), esteve presente e também discursou na cerimônia.

O programa Artemis da Nasa tem como objetivo retornar às missões tripuladas para a Lua a partir de 2024 e deve, inclusive, levar a primeira mulher para o solo lunar.

“O programa Artemis retorna com as missões tripuladas à Lua, hoje o Brasil se integra a esse esforço. O que a gente vai assinar aqui é um pequeno passo para o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações e um grande salto para o Programa Espacial Brasileiro [PEP]”, disse Marcos Pontes.

Segundo o ministro do MCTI, o programa também inclui missões não tripuladas, uso de novos equipamentos espaciais, operação de sondas, criação de uma estação espacial que ficará na órbita da lua, construção de uma base em solo lunar que servirá de ponto de partida para destinos mais distantes como, por exemplo, Marte.

“Esse é um esforço da humanidade para conquistar o espaço profundo. Esse é um esforço que o Brasil não poderia ficar de fora de jeito nenhum”, disse Marcos Pontes.

Reprodução / TV Brasil
Reprodução / TV Brasil

O ministro disse ainda que tem trabalhado em favor do PEP em cinco frentes: infraestrutura de lançamento – com o Centro Espacial de Alcântara –; pesquisas, satélites e cargas úteis; foguetes; aplicações no espaço; e modernização da legislação. Essas ações devem convergir na colaboração com o programa Artemis.

“Nós temos muitas vantagens nessa participação. Vai permitir o engajamento das nossas universidades, vai permitir a preparação de recursos humanos em diversas áreas [...] nós vamos ter a possibilidade de participação de pesquisadores, participação de centro de pesquisas e empresas. É uma oportunidade muito grande para o Brasil”, explicou o ministro.

Na cerimônia, o presidente Jair Bolsonaro discursou e destacou que o acordo é um grande passo para o país.

“O Brasil tem um potencial enorme e vai mostrar o seu valor agora neste grande acordo com o projeto Artemis. Não é apenas para levar uma mulher ao espaço, mas [para saber] o que nós podemos trazer do espaço para aplicarmos aqui na Terra [...] Nós hoje, o brasileiro, consideramos estar entrando para a história de fato. Para nós é um tremendo passo. É um motivo de orgulho para todos nós brasileiro”, disse o presidente.

Bolsonaro destacou também que a assinatura desta parceria, além de criar possibilidades de desenvolver tecnologias, demonstra que o Brasil tem reconhecimento e respeito internacional.

“Agradeço ao governo americano por ter colaborado para que nós entrássemos nesse seleto grupo, assim como outros países aqui presentes. Isso demonstra que o Brasil é um país que tem admiração e reconhecimento pelo mundo todo, assim como nós temos por praticamente todos os países do mundo. Nós desejamos a mesma coisa: a paz, o progresso e o desenvolvimento. Podem contar com o povo brasileiro, podem contar com o Governo Federal e com as instituições que estão ao nosso lado na busca deste objetivo. Todos nós ganhamos com o projeto Artemis”, disse Bolsonaro.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Samuel Strazzer, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.