RMVale

SP tem queda no número de vítimas e de casos de homicídios em setembro

Números são os terceiros menores da série histórica, iniciada em 2001

Escrito por Meon

25 OUT 2021 - 21H01 (Atualizada em 26 OUT 2021 - 07H47)

Reprodução crime (Reprodução)

O Estado de São Paulo terminou setembro com redução no número de vítimas e casos de homicídios dolosos (com intenção de matar) e nas extorsões mediante sequestro. Já o indicador de roubo a banco manteve-se estável. A informação é da SSP (Secretaria de Segurança Pública) e foi divulgada nesta segunda-feira (25).

Leia MaisCovid-19: Estado de São Paulo tem 100% dos adultos vacinados com pelo menos uma dose da vacinaLei que proíbe órgãos públicos de sacrificarem cães e gatos saudáveis entra em vigor Festa clandestina com 600 pessoas é encerrada pela GCM em São JoséPetrobras anuncia 11º aumento de preço de combustíveis em 2021Em comparação com setembro de 2020, as mortes intencionais caíram 5%, passando de 238 para 226. O número de vítimas desse tipo de crime recuou 2% no mesmo período, passando de 248 para 243. Os resultados são os terceiros menores desde 2001, segundo a SSP.

Secretaria de Segurança Pública
Secretaria de Segurança Pública


As taxas de outubro a 2020 a setembro de 2021 caíram para 6,32 casos e 6,68 vítimas para cada grupo de 100 mil habitantes.

Já o indicador de estupros aumentou de 1.038 em setembro de 2020 para 1.076 no mês passado.

Crimes contra o patrimônio

O indicador de extorsão mediante sequestrou queda de apenas um caso – dois boletins de ocorrência do tipo contra três em setembro do ano passado.

Secretaria de Segurança Pública
Secretaria de Segurança Pública


O índice de roubo a banco manteve-se estável, com uma ocorrência contabilizada.

Secretaria de Segurança Pública
Secretaria de Segurança Pública


Outros indicadores de roubo, assim como o de furtos, mostraram crescimento entre setembro do ano passado e este. Os roubos em geral subiram de 15.225 para 19.359 e os furtos em geral foram de 30.571 para 42.722.

O número de roubos de veículos também cresceu de 2.247 para 2.902, enquanto os roubos de cargas apresentaram alta de 428 para 468 casos no mesmo período. Na modalidade de furtos de veículos, o total passou de 5.180 para 6.984.

Em relação às ocorrências de latrocínio (roubo seguido de morte), tanto o índice de casos quanto o de vítimas subiram de 15 para 22 e de 15 para 23, respectivamente.

Atuação das polícias

Em setembro, houve aumento de 5,37% na quantidade de prisões efetuadas, em comparação com o mesmo período de 2020, passando de 12.251 para 12.909.

Neste período, também foram registrados 2.927 flagrantes por tráfico de entorpecentes e 885 armas ilegais foram apreendidas.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Meon, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.