Por Tamires Vichi Em RMVale Atualizada em 10 AGO 2020 - 15H24

Veja como fica o Calendário Eleitoral de 2020

As eleições municipais deste ano já sofreram uma série de alterações, mas você acompanha todas as mudanças aqui no Portal Meon



Não apenas as eleições municipais, mas todo o Calendário Eleitoral de 2020 precisou mudar em meio à pandemia do coronavírus.

A Emenda Constitucional nº107 de 2 de julho de 2020 prorrogou todos os prazos, e agora, as eleições que definirão os prefeitos e vereadores municipais acontecem nos dias 15 de novembro (1ºturno) e 29 de novembro (2º turno).

O Portal Meon já marcou as datas mais importantes no nosso Calendário Eleitoral e você acompanha com a gente:




11 de agosto: Prazo final para propaganda partidária. Programas de rádio e TV apresentados por pré-candidatos não podem mais ser transmitidos. O descumprimento da lei pode gerar multa a canais de comunicação, além do cancelamento do registro de candidatura de pré-candidatos.

31 de agosto a 16 de setembro: Prazo para realização das convenções partidárias. As convenções partidárias são o período destinado à definição de coligações e escolha de candidatos.

31 de agosto a 26 de setembro: Prazo para realização do registro de candidaturas. O registro de candidaturas é o pedido realizado à Justiça Eleitoral para registrar os candidatos que irão concorrer às eleições.




16 de setembro: Prazo final para realização das convenções partidárias.

26 de setembro: Prazo final para registro de candidaturas. Em 26 de setembro começa, também, o prazo para que a Justiça Eleitoral convoque partidos e emissoras de rádio e TV para elaboração do plano de mídia.

27 de setembro: Início de Propaganda Eleitoral, inclusive na internet.




9 de outubro: Início da Propaganda Eleitoral gratuita nas emissoras de rádio e televisão.




15 de novembro: 1º turno das eleições.

29 de novembro: 2º turno das eleições.




15 de dezembro: Prazo final para prestação de contas das campanhas políticas à Justiça Eleitoral.

18 de dezembro: Prazo final para diplomação dos candidatos, momento após apuração dos votos e término do pleito, em que os eleitos são atestados pela Justiça Eleitoral e tornam-se aptos para tomarem posse de seus respectivos cargos.

O Congresso Nacional se encarrega de estabelecer novas datas ou quaisquer alterações, caso novas medidas sanitárias de combate à Covid-19 impeçam a realização das eleições municipais.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Tamires Vichi, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.