Por Samuel Strazzer Em RMVale

Vídeo: prefeito de São Sebastião critica ‘mega feriado’ e afirma que irá liberar praias se estradas não forem bloqueadas

"[...] o Governo do Estado vai ser responsabilizado por mandar esse monte de gente pra cá", disse Felipe Augusto

Em uma transmissão ao vivo nas redes sociais nesta segunda-feira (18), o prefeito de São Sebastião, Felipe Augusto (PSDB), manifestou indignação com a antecipação de feriados na capital de São Paulo. Felipe Augusto disse que irá permitir a abertura das praias e trabalho de ambulantes caso não seja autorizado o bloqueio nas estradas de acesso a cidade.

“Se for assim, nós vamos abrir as praias, liberar os ambulantes e o Governo do Estado vai ser responsabilizado por mandar esse monte de gente pra cá. [...] São Sebastião em 60 dias liderou o isolamento social, montou hospitais de retaguarda, estruturou unidades de referência, montou UTI, estruturou equipes, comprou EPI, fez tudo. Pra fazer isso com a gente agora? Então fecha estrada, deixa a gente fechar estrada. Brincadeira!”, desabafa o prefeito.

Para o prefeito, o esforço dos munícipes durante o período de quarentena seria perdido com a descida em massa de turistas. Ainda segundo a prefeitura, mais de 500 ambulantes tiveram a licença suspensa.

O prefeito disse ainda que irá entrar com uma ação judicial para bloquear as estradas que dão acesso a cidade. Caso o pedido da prefeitura não seja atendido, Felipe Augusto afirmou que irá liberar as praias e os ambulantes para ao menos ‘faturar’ com os turistas na cidade.


Por conta da antecipação de feriados, Prefeitura de Caraguá pede barreira sanitária para impedir entrada de turistas

O prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Junior (MDB), afirmou que irá pessoalmente à São Paulo nesta terça-feira (19) pedir ao Governo do Estado o bloqueio do acesso a cidade durante a antecipação dos feriados. 

Reprodução/Facebook
Reprodução/Facebook

Em uma coletiva de imprensa nesta terça-feira, o chefe do executivo de Caraguá afirmou estar muito preocupado com esta ação do Governo Estadual. Para Aguilar, além de ser ruim para o controle da pandemia, a antecipação dos feriados atinge o plano de retomada da economia no litoral.

Aguilar marcou uma reunião urgente com o secretário de Desenvolvimento Regional, Marcos Vinholi, para pedir que o Estado entre com uma ação conjunta com o município para fechar as estradas de acesso ao litoral ou permitir a criação de barreiras sanitárias nas entradas das cidades. A reunião está prevista para as 15h desta terça-feira (19).


Bruno Covas assina decreto que antecipa Corpus Christi e Consciência Negra



Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Samuel Strazzer, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.