Por Vinicius Assis Em RMVale Atualizada em 14 SET 2020 - 09H43

Vídeo: tamanduá-mirim é resgatado após entrar em quintal de casa em Caraguá

O animal silvestre estava assustado mas bem de saúde


Um tamanduá-mirim foi resgatado pela Polícia Ambiental na tarde deste domingo (13), após entrar no quintal de uma casa em Caraguatatuba. No momento do resgate, o animal estava assustado por conta de um cachorro que mora no imóvel. Por estar bem de saúde o tamanduá foi resgatado e devolvido à natureza.

De acordo com a Polícia Ambiental, o caso aconteceu em uma casa do bairro Massaguaçu. Os moradores acionaram o policiamento após encontrarem um bicho acuado no quintal da casa onde moram. No local, a equipe percebeu que se tratava de um tamanduá-mirim que estava muito assustado.

Os policiais usaram “técnicas de manejo e contenção de animais silvestres” para conseguir capturar o tamanduá, mas sem feri-lo. A equipe fez uma rápida avaliação no animal e percebeu que ele estava bem de saúde. O bicho foi colocado em uma caixa e devolvido para seu habitat natural, no Parque da Serra do Mar, também em Caraguatatuba.

Ainda de acordo com a Polícia Ambiental, os tamanduás-mirins são frequentemente ameaçados por ações dos homens. Eles são constantemente vítimas de atropelamento, caça e até mesmo alvo de ataques de cães domésticos.

A espécie é ameaçada de extinção por, além de sofrer com a ação do homem, ter um período de gestação considerado longo, podendo durar até 150 dias – cinco meses – e o baixo número de filhotes. As fêmeas geralmente tem apenas um filhote por ninhada.

Os tamanduás-mirins se alimentam de formigas e cupins. O focinho comprido, serve para alcançar o alimento em buracos e também para farejar o alimento. A espécie também se alimenta de mel e das próprias abelhas. Por conta dos hábitos noturnos, eles dificilmente são encontrados durante o dia. É uma espécie solitária e só é encontrada em pares durante a época do acasalamento.

A polícia pediu para que, caso algum animal seja encontrado, o comunicado seja feito pelo telefone 190, ou pelo (12) 3886-2200 em Caraguatatuba, para que profissionais possam ir até o local e ajudar o resgate.

Veja o vídeo da soltura do animal.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Vinicius Assis, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.