Por Conteúdo Estadão Em Brasil & Mundo

Cruzeiro vence a primeira e empurra a Ponte para a lanterna da Série B

Em um jogo truncado e com poucas chances, o Cruzeiro contou com um gol isolado de Bruno José para vencer a Ponte Preta, por 1 a 0, nesta quarta-feira à noite no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas-SP, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Com apenas um ponto conquistado até aqui, a Ponte Preta caiu para a lanterna e viu a pressão aumentar nas vésperas do tradicional dérbi campineiro. Já o Cruzeiro venceu a primeira, deixou a zona de rebaixamento e subiu para o 14º lugar, com quatro pontos.

O primeiro tempo do jogo que reuniu os dois times de piores campanhas foi bastante nervoso e truncado. Jogadores de Ponte Preta e Cruzeiro se estranharam algumas vezes, mas esqueceram de jogar futebol. Foram poucas as oportunidades de finalização nos 45 minutos.

Com dificuldades para criação, os dois times apostaram em chutes de fora da área. Moisés viu sua finalização passar raspando o travessão de Fábio. Já o Cruzeiro só não abriu o placar em finalização de Marcinho porque Ygor Vinhas fez grande defesa.

As orientações de Mozart no intervalo surtiram efeito e o Cruzeiro voltou mais ligado para o segundo tempo, tanto que abriu o placar aos 12 minutos. Bruno José recebeu entre os dois zagueiros e chutou cruzado. Ygor Vinhas pulou atrasado e não conseguiu evitar o gol.

Depois disso, o desespero bateu no time da Ponte Preta, que passou a alçar as bolas na área do Cruzeiro, mas sem nenhuma efetividade. O time mineiro abdicou do ataque e conseguiu segurar a vitória, que foi bastante comemorada por todos os jogadores.

Os dois times voltam a campo no sábado, pela quinta rodada. A Ponte Preta faz o dérbi contra o Guarani, às 18h30, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas, e o Cruzeiro enfrenta o Operário, às 19 horas, no estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa.

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA 0 X 1 CRUZEIRO

PONTE PRETA - Ygor Vinhas; Cleylton, Ednei e Ruan Renato (Renatinho); Kevin, Dawhan, Vini Locatelli (Rodrigão), Camilo (Richard) e Jean Carlos; Moisés (Fessin) e João Veras (Paulo Sérgio). Técnico: Gilson Kleina.

CRUZEIRO - Fábio; Rômulo, Ramon, Eduardo Brock e Matheus Pereira (Weverton); Flávio, Giovanni (Adriano) e Marcinho (Aiton); Felipe Augusto, Bruno José e Rafael Sóbis (Bisolli). Técnico: Mozart Santos.

GOL - Bruno José, aos 12 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Vinícius Gomes do Amaral (RS)

CARTÕES AMARELOS - Vini Locatelli e Ruan Renato (Ponte Preta); Ramon e Rômulo (Cruzeiro)

LOCAL - Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP).

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Conteúdo Estadão, em Brasil & Mundo

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.