Por Conteúdo Estadão Em Noticias

Langoni foi bom amigo que a pandemia me impediu de encontrar, lamenta Meirelles

O ex-ministro da Fazenda e atual secretário da Fazenda e Planejamento do Estado de São Paulo, Henrique Meirelles, lamentou neste domingo, 13, a morte do ex-presidente do Banco Central (BC) Carlos Langoni, vítima da covid-19 aos 76 anos. No Twitter, Meirelles ofereceu sentimentos à família do economista.

"Carlos Langoni foi um grande economista. Publicou em 1970 um estudo pioneiro, que mostrava a relação entre educação, crescimento e a desigualdade no Brasil. Como presidente do Banco Central deu início ao sistema que geraria mais tarde a taxa Selic", escreveu. "Langoni era um bom amigo, que a pandemia me impediu de encontrar desde o ano passado."

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Conteúdo Estadão, em Noticias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.