RMVale

Estátua gigante de Nossa Senhora Aparecida é alvo de vandalismo

O monumento que foi embargado pela Justiça está abandonado e começou a ser alvo de vandalismo recentemente

Escrito por Fernanda Niquirilo

02 AGO 2021 - 13H15

Vandalismo Aparecida

A gigante estátua de Nossa Senhora Aparecida vem sendo alvo de vandalismo em Aparecida.

O monumento que aguarda há quase quatro anos a instalação na beira da via Dutra, teve sua instalação adiada e depois embargada pela Justiça por uma liminar (decisão temporária).

A obra está abandonada e teve a base pichada recentemente. A mesma é dividida em quatro peças e serviria como um ponto para sinalizar a chegada à cidade que atrai milhares de fieis anualmente ao Santuário Nacional, pelo turismo religioso.

O local não conta com qualquer segurança ou barreira para impedir o acesso.

O que diz a prefeitura

Em nota, A Prefeitura de Aparecida esclarece que a escultura de Nossa Senhora Aparecida não possuí investimento de verba pública. A estátua foi uma doação do escultor Gilmar Pinna para o município, durante as administrações passadas.

O processo judicial, instaurado pela Associação Brasileira de Ateus e Agnósticos, pertence as cincos estátuas que fazem referência aos milagres atribuídos a Nossa Senhora Aparecida instaladas pela cidade.

Segundo a administração, ainda sobre a escultura de Nossa Senhora Aparecida, o Prefeito Luiz Carlos de Siqueira, Piriquito, já demonstrou o desejo de reerguê-la. Porém reforçam que é importante destacar que a atual Administração Municipal só vai fazê-la com os laudos técnicos em mãos, respeitando as condições da estrutura da imagem e da ordem judicial, na qual a Prefeitura de Aparecida ainda aguarda o parecer.

O que diz o dono da obra

O artista plástico Gilmar Pinna, que doou a estátua à cidade em celebração aos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora, em 2017, lamenta a situação. “Vejo com muita tristeza essa intolerância, principalmente por ser simplesmente uma mensagem artística. A arte não fere, simplesmente nos traz para uma reflexão e um questionamento. Respeito todas religiões, ateus e agnósticos”, informou.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Fernanda Niquirilo, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.