Por Samuel Strazzer Em RMVale Atualizada em 07 ABR 2021 - 18H22

Prefeito de São José comenta ineficácia de tratamento precoce contra Covid-19 recomendado pela prefeitura de Chapecó (SC)

O tratamento precoce passou a ser recomendado pelo prefeito de Chapecó neste ano; 77% das mortes por Covid-19 na cidade aconteceram em 2021

Claudio Vieira / PMSJC
Claudio Vieira / PMSJC


O prefeito de São José dos Campos, Felicio Ramuth (PSDB), comentou, nesta terça-feira (6), a ineficácia do tratamento precoce implantado na cidade de Chapecó (SC).

O prefeito de Chapecó, João Rodrigues (PSD), tomou posse da prefeitura em 1° de janeiro de 2021 e é um dos defensores do “tratamento precoce” que receita medicamentos como ivermectina e cloroquina para pacientes com Covid-19 – os medicamentos não tem eficácia comprovada. No último domingo (4), o prefeito chapecoense fez um pronunciamento onde atribuiu a queda de casos de Covid-19 ao “tratamento precoce” e disse que o volume de internações está “próximo de zero”.

Contudo, os dados da própria prefeitura de Chapecó demonstram um quadro totalmente diferente. Nesta terça-feira (6), segundo o boletim epidemiológico de Chapecó, 187 pessoas com Covid-19 seguem internadas, sendo 121 em UTIs – no dia 1° de janeiro o número era de 69 internados com 29 pessoas na UTI.

O número de mortes também cresceu de maneira acelerada em 2021. Das 541 mortes registradas até esta terça-feira, 418 aconteceram neste ano – o que corresponde a 77,2% das mortes em pouco mais de três meses.

Durante coletiva de imprensa nesta terça-feira, o prefeito de São José dos Campos comentou as declarações do prefeito de Chapecó (SC) e comparou o avanço da pandemia nas cidades.

No primeiro boletim epidemiológico do ano, a cidade joseense havia registrado 551 mortes por Covid-19. Nesta segunda-feira (5), a cidade chegou a 1.018, ou seja, 45,8% dos óbitos foram registrados em 2021 – porcentagem significativamente inferior a registrada em Chapecó.

São José dos Campos registrou, até esta segunda-feira (5), 54.887 casos positivos, sendo que 1.018 morreram pela doença, 50.040 pessoas estão recuperadas, 3.869 se recuperam em casa e 114 pacientes estão internados.

“O objetivo não é falar mal do que o outro [prefeito] está fazendo. Apenas quero dizer uma coisa: pra gente enfrentar a Covid-19 não existe solução mágica. O que existe é trabalho, trabalho, trabalho e dedicação”, disse o prefeito.

Fazendo referência ao “tratamento precoce” e uso de outros medicamentos sem eficácia, Felicio Ramuth afirmou que a equipe da Secretaria de Saúde não descarta nenhuma possibilidade, mas se baseia na ciência, em pesquisas e dados, para adoção de qualquer protocolo na cidade.

“Nada é descartado por essa equipe, absolutamente nada. Se amanhã aparecer alguém falando que purpurina é bom pra Covid eles vão pesquisar, vão olhar, vão estudar e, se for bom mesmo, vão orientar a cidade que aplique”, disse Felicio.


Entenda os dados de Chapecó (SC)

Quando João Rodrigues tomou posse da prefeitura de Chapecó, em 1° de janeiro de 2021, a cidade havia registrado:

- Positivos: 14.569

- Óbitos: 123

- Ativos: 941

- Total de internados: 69

- Enfermaria: 29

- UTI: 29


Mesmo com a recomendação do tratamento precoce pela prefeitura, Chapecó não demonstrou quedas nos índices da pandemia ou melhor eficácia no enfrentamento a Covid-19. No dia 5 de março de 2021, a cidade catarinense já havia mais que dobrado o número de mortes pela Covid-19:

- Positivos: 27.629

- Óbitos: 326

- Ativos: 5.266

- Total de internados: 351

- Enfermaria: 110

- UTI: 129

- Internados em outros setores: 112


Por conta do alto índice de internados e casos ativos, entre os dias 22 de fevereiro e 8 de março, Chapecó adotou o lockdown parcial ao lado de outras cidades do estado de Santa Catarina. Depois deste período, os índices começaram a cair, mas ainda seguem altos. O último boletim epidemiológico – divulgado pela prefeitura de Chapecó nesta terça-feira (6) – aponta:

- Positivos: 34.116

- Óbitos: 531

- Ativos: 606

- Total de internados: 187

- Enfermaria: 63

- UTI: 121

- Internados em outros setores: 3

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Samuel Strazzer, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.