Por Fernanda Niquirilo Em RMVale Atualizada em 22 FEV 2021 - 13H52

Professora de Caçapava que estava internada com Covid-19 morre aos 32 anos

Ela estava na UTI de um hospital de São José dos Campos e não resistiu

Morreu neste sábado (20), a professora de geografia Maria Teresa Miguel Couto de 32 anos e a causa seria Covid-19. Ela atuava em Caçapava na escola estadual Ministro José de Moura Rezende, que atende alunos dos Ensinos Fundamental e Médio em período integral, além da EJA (Educação de Jovens e Adultos).

Divulgação
Divulgação


A professora, que estava afastada de suas atividades, foi internada com sintomas da doença no Hospital Municipal de São José dos Campos, onde permaneceu num leito de UTI, mas não resistiu.

O corpo foi enterrado na manhã deste domingo (21), no cemitério municipal de Cachoeira Paulista onde a família dela mora.

No dia 18 de fevereiro, a mãe da professora, de 59 anos, também morreu por complicações da doença.

Em uma rede social Maria Teresa escreveu no último dia 12 de fevereiro sobre a Covid. "Sobre essa Pandemia...Tomem cuidado gente, isso não é brincadeira não. Num dia a gente tá bem e no outro não tá mais! Se cuidem, usem máscara e que Deus nos proteja até ter vacina pra todos! Não é só uma gripezinha!", publicou.

Reprodução/ Facebook
Reprodução/ Facebook

Nas redes sociais, alunos e colegas de trabalho lamentam o falecimento da professora.

Por nota, a Secretaria de Educação do Estado de São Paulo esclarece que segue todos os protocolos definidos por autoridades de saúde e preserva a segurança de professores, servidores e alunos.

A escola estadual Ministro José de Moura Rezende permanecerá oferecendo o ensino remoto e, conforme orientação da Vigilância Sanitária do município, deverá reabrir no dia 24 de fevereiro.

A pasta ressalta que os casos confirmados de servidores e alunos são acompanhados por meio do SIMED (Sistema de Informação e Monitoramento da Educação para COVID-19) da Secretaria de Educação do Estado de São Paulo, que tem os dados atualizados diariamente, e que desde 16 de fevereiro, passaram a ser apresentados à imprensa.

Procurada, a prefeitura de Caçapava não se manifestou sobre o assunto até o momento da publicação.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Fernanda Niquirilo, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.