Opinião

O Brasileiro adotou a Black Friday

Estamos prestes a ver um recorde histórico de vendas nesta Black Friday

WhatsApp Image 2021-11-23 at 14.27.32

Escrito por Danilo Magri

24 NOV 2021 - 08H00 (Atualizada em 24 NOV 2021 - 08H26)

Reprodução

Ao longo dos séculos o termo Black Friday foi se moldando conforme alguns eventos aconteciam, a maioria deles catastróficos como a pena de morte de bispos pelo Rei da Inglaterra, incêndios devastadores na Austrália, uma batalha aérea com vitória nazista na segunda guerra mundial e mais recentemente uma manipulação de dois investidores de Wall Street que tentaram controlar o preço do Ouro.

Somente na década de 70, o termo começou a ser associado ao feriado de Thanksgiving (Ação de graças) muito comemorado nos Estados Unidos e que acontece na última quinta feira de Novembro. Por este motivo, na sexta feira geralmente era um dia de caos, com pessoas voltando para suas casas, eventos comemorativos nas ruas e finalmente, muitas compras! Hoje em dia a Black Friday só carrega o significado das compras e se tornou uma data comercial muito importante para o bolso dos clientes e lucro dos varejistas.

Em 2019, a Black Friday movimentou impressionantes R$ 3,2bilhões de reais no e-commerce brasileiro, uma alta de 24% em relação a 2018. Assim como outras datas que importamos da cultura norte americana, a Black Friday finalmente foi adotada pelo brasileiro e veio para ficar. Arrisco dizer que este ano, que será realizada no dia 26 de novembro irá bater recordes históricos, visto o momento de euforia que vivemos com a retomada de nossas vidas e abertura das fronteiras, somado a fato do maior número de pessoas que se habituaram a fazer compras online durante a pandemia.

Reprodução
Reprodução

O brasileiro se tornou uma versão iniciante, porém muito promissora do consumismo que rege nosso primo rico Estados Unidos. Por um lado analiso de forma positiva pois criamos oportunidades de nossa economia, varejo e mercado de trabalho se desenvolverem, por outro existe a preocupação da pouca educação financeira dos brasileiros com um cartão de crédito na mão.

Estamos prestes a ver um recorde histórico de vendas nesta Black Friday ao mesmo tempo que o endividamento médio das famílias brasileiras nunca esteve tão alto, hoje cerca de 75% dos núcleos familiares possuem dívidas.

Em uma época que o TER é sinônimo de SER e desejos e necessidades humanas nunca foram tão rapidamente estimuladas e comparadas por conta das redes sociais, a Black Friday é a oportunidade perfeita para amantes do status e seguidores de tendências consumirem e chegarem mais próximo dos estilos de vida que almejam usufruir.

Comprem de forma consciente, pesquisem os preços antes da data referida e satisfaçam suas necessidades reais (ou não). No entanto lembrem-se que a vida também acontece nos outros 364 dias do ano e que a verdadeira satisfação pessoal não se vende com desconto na Black Friday, correndo o risco de em alguns anos voltarmos a nos referir a esta data como um dia de caos, angústia e infortúnio assim como no passado fizeram.

Escrito por
WhatsApp Image 2021-11-23 at 14.27.32
Danilo Magri

Gestor de Negócios

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Meon, em Opinião

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.