Por Meon Em RMVale Atualizada em 16 JUN 2021 - 16H05

Hairstylist Juliana Luz conta como foi abandonar a carreira de bancária para seguir na área da beleza

A profissional trabalhou com profissionais renomados e é especialista em colorimetria capilar

Arquivo Pessoal / Juliana Luz
Arquivo Pessoal / Juliana Luz

Vocação: aptidão ou inclinação natural que direciona alguém para uma profissão ou atividade específica. Seguir sua vocação é mais do que trabalhar com o que se é bom, é perseguir um caminho de realização pessoal. Foi o que fez a hairstylist Juliana Luz, de 33 anos. Depois de quase 10 anos na carreira de bancária, ela decidiu se dedicar a área da beleza.

Juliana Luz conta que cresceu no ambiente de salão de beleza, pois sua mãe e irmã eram cabeleireiras. Contudo, começou a trabalhar em banco muito cedo.

“Eu cresci em um salão porque minha mãe e minha irmã eram cabeleireiras. Com 17 anos comecei a trabalhar no banco, mas sempre estava ligada e fazendo trabalhos relacionados à beleza”, conta.

Ela não se desligou completamente da área da beleza, mas se dedicou profissionalmente ao banco entre 2005 e 2013. Neste tempo, Juliana chegou ao cargo de gerente, mas não estava feliz com a profissão.

“A vida de gerente de banco é muito estressante, já estava infeliz com a profissão. Meu marido me disse ‘Quando você está na área da beleza, fazendo cabelo e make-up, dá pra ver e notar sua satisfação e alegria em trabalhar’. Aí ele mesmo foi até a escola de cabeleireiros, negociou meu primeiro curso e me deu de presente”, relata.

Juliana fez o curso em 2014 e no mesmo ano já começou a atuar no ramo da beleza. Em 2015, foi trabalhar como gerente e cabeleireira no Dam Pop Atelier, um dos mais conceituados salões de beleza de São José, com Cristiana Bartoli.

Além de adquirir experiência e se apaixonar cada vez mais pelo ramo da beleza, a cabeleireira não parou de buscar capacitação e se especializou na área de colorimetria capilar.

Arquivo Pessoal / Juliana Luz
Arquivo Pessoal / Juliana Luz

“Desde a minha primeira formação, não parei de estudar. Continuei fazendo cursos de especialização de cor e corte. Sou apaixonada pela área de colorimetria, química, correção de cor, isso me fascina. [...] Hoje, além dessa parte de beleza, eu estudo terapia capilar, que vai pra área de cabelo voltada pra saúde”, conta.

Após alguns anos, Juliana começou a trilhar o caminho independente. Em 2017, começou a atender alguns clientes na garagem da casa da mãe, mas logo o projeto cresceu e se tornou o “Espaço de Beleza Garage”.

Ela manteve o funcionamento do salão até o ano de 2019. Atualmente, Juliana Luz ainda tem planos de atuar na área da beleza. Mais do que uma profissão, para ela, cuidar da beleza é uma missão.

“Pra mim, o melhor acessório de uma mulher é o cabelo. Então, se o cabelo está impecável, ela está, com certeza, se sentindo linda”, afirma Juliana Luz.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Meon, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.