Por Fernanda Niquirilo Em RMVale Atualizada em 14 MAI 2021 - 07H44

Mulher presa suspeita de matar o filho de 3 anos é transferida para penitenciária em Tremembé

Ela foi levada para a penitenciária feminina I após ser transferida do Centro de Detenção Provisória Feminino de Franco da Rocha em SP




Nesta quarta-feira (12), Andréia Freitas de Oliveira, de 37 anos, suspeita de matar o filho, Gael, de 3 anos, em São Paulo, foi transferida para a penitenciária feminina I de Tremembé.

Ela deu entrada na penitenciária feminina por volta das 21h, após ser transferida do Centro de Detenção Provisória Feminino de Franco da Rocha.

Inicialmente ela irá ficar em uma cela isolada por 15 dias para seguir protocolos contra a Covid-19. A prisão preventiva de Andreia foi decretada na terça (11) pela Justiça.

Entenda o caso

Gael morreu na última segunda-feira (10). Ele estava com a mãe na cozinha quando sua tia-avó entrou no cômodo, após ouvir choro e barulho de vidro quebrando.

O menino foi atendido pelo SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e foi encontrado no apartamento em parada cardiorrespiratória. Então, foi levado à Santa Casa de São Paulo enquanto era reanimado pelos socorristas, o procedimento foi continuado pela equipe médica do hospital, sendo constatado o óbito na sequência.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública, a mulher foi encontrada pelos policiais militares em estado de choque no banheiro da casa em que mora e foi encaminhada ao Hospital Mandaqui, na zona norte paulistana. Logo após a alta, foi encaminhada à 1ª Delegacia de Defesa da Mulher, onde foi ouvida e indiciada.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Fernanda Niquirilo, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.