Alunos

Dez animais em risco de extinção no Brasil

Conheça alguns animais que, devido à ação antrópica, encontram-se em risco de extinção.

luceprima (Arquivo Pessoal )

Escrito por Pietra Dias e Mariana Ferreira | Colégio Luce Prima

27 NOV 2020 - 11H22 (Atualizada em 27 NOV 2020 - 16H07)

A fauna brasileira é uma das mais bonitas e incríveis do mundo. Nela encontramos animais bem diferentes. São mais de 120 mil espécies de invertebrados e aproximadamente 8.930 espécies de vertebrados. Aqui estão alguns animais da nossa fauna que podem não existir mais.

1. Boto cor-de-rosa: O boto-cor-de-rosa é natural dos rios da Bacia Amazônica, sendo considerado o maior golfinho de água doce do mundo. Sua espécie está quase desaparecendo, devido à matança desses animais.

2. Ariranha: A ariranha habita, principalmente, na região da Amazônia e do Pantanal e se alimenta de peixes, moluscos, crustáceos e entre outros. A perda de seu habitat, a pesca predatória, a caça ilegal e a poluição dos rios são as principais ameaças para a espécie.

3. Lobo-guará: Além do Brasil, o lobo-guará pode ser encontrado em regiões da Argentina, Bolívia, Paraguai, Peru e Uruguai. A espécie enfrenta grandes problemas devido ao desmatamento de seu habitat, a doenças relacionadas a cães domésticos, atropelamentos, entre outros e encontra-se vulnerável à extinção.

4. Pica-pau-amarelo: A espécie é uma ave brasileira, podendo ser encontrada entre os estados de Alagoas e Rio de Janeiro. A destruição do seu habitat é a principal ameaça. O habitat sofre com as queimadas e o desmatamento.

5. Mico-leão-dourado: O motivo do nome desse primata é sua juba, que pode ser de um tom dourado ou mais alaranjado. O mico-leão-dourado habita a Mata Atlântica que sofreu durante décadas o desmatamento e o tráfico de animais, o que resultou na eliminação quase total da espécie.

6. Soldadinho-do-araripe: É uma ave que vive na caatinga, em área restrita da Chapada do Araripe, no Ceará. Ela vem sofrendo com o problema do desmatamento da região, provocado pela criação de gado, monoculturas e o crescimento desordenado das cidades. Com essa perda de seu habitat, estão quase extintos.

7. Tartaruga-oliva: É uma espécie que migra bastante, desova principalmente entre o litoral sul do Alagoas e o norte da Bahia. Mesmo com os projetos de conservação ambiental, essas tartarugas sofrem com a coleta dos ovos e abate no período da desova, além da poluição.

8. Tartaruga-de-couro: Essa espécie, que pode viver até 300 anos, também encontra-se em risco de extinção devido ao consumo dos seus ovos, do abate das fêmeas e da captura acidental na pesca. Em alguns países, o consumo da carne e do óleo desse animal é legalizado.

9. Toninha: Só é possível ver a toninha no Brasil, na Argentina e no Uruguai. Como tem baixa capacidade e há a pesca predatória, a espécie está em estado crítico de ameaça a extinção.

10. Uacari: Esse macaco é mais encontrado na Amazônia e vem sofrendo com a caça e o desmatamento dessa região.


Fonte de pesquisa: https://www.todamateria.com.br/animais-em-extincao-no-brasil/

Parceria: 





Com supervisão de Milena Peres, jornalista da Zan Comunicação, parceira do Grupo Meon.

Escrito por
luceprima (Arquivo Pessoal )
Pietra Dias e Mariana Ferreira | Colégio Luce Prima

Alunas do 7° ano do Ensino Fundamental II do Colégio Luce Prima, em São José dos Campos

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Exclusivo | Comissão Pré-Julgadora

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Meon, em Alunos

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.