RMVale

Ubatuba vai cobrar de R$3 a R$70 dos turistas para preservação ambiental

Cobrança de tarifa tem testes previstos para segundo semestre deste ano

Escrito por Ana Lígia Dal Bello

25 JAN 2022 - 19H30 (Atualizada em 25 JAN 2022 - 19H41)

Prefeitura de Ubatuba

A Prefeitura de Ubatuba, via Secretaria do Meio Ambiente, passará a cobrar a TPA (Taxa de Preservação Ambiental) dos turistas que visitarem o município. O objetivo é arrecadar dinheiro para diminuir e compensar os impactos socioambientais gerados pelo grande fluxo de visitantes.

A taxa está prevista em lei. Os valores cobrados de veículos licenciados em outros municípios serão:

  • Motocicletas – R$3
  • Veículos de pequeno porte – R$10
  • Veículos utilitários (caminhonetes e kombis) – R$15
  • Veículos de excursão (vans) - R$30, mais a taxa Comtur para veículos de excursão (Vans);
  • Micro-ônibus e caminhões - R$45, mais a taxa Comtur;
  • Ônibus - R$70, mais a taxa Comtur.

De acordo com o secretário-adjunto de Meio Ambiente, Guilherme Adolpho, a TPA não será cobrada dos munícipes. “Podem ser solicitadas isenções dos valores nos locais destinados ao pagamento, por moradores ou prestadores de serviços do município, pois a taxa é direcionada ao turista”, explicou.

Leia MaisVídeo registra falsa aplicação de vacina contra Covid-19 em TaubatéVídeo: casinha comunitária para cachorros é incendiada na estrada do Jaguari em São JoséMotorista tenta cruzar passarela de São Sebastião e quebra carro e estrutura“Estamos estudando a possibilidade de dar início aos testes no segundo semestre deste ano”, afirmou o secretário-adjunto sobre a previsão de início da cobrança.

Adolpho também salientou o impacto do aumento populacional durante as temporadas. “Temos um aumento significativo, hoje a gente mede esse aumento populacional com o lixo, por exemplo, Ubatuba gera cerca de 42 mil toneladas de lixo por ano, dessas 42 mil, em torno de 25% é gerado somente entre dezembro e janeiro, então é uma carga bem pesada, só no réveillon é gerado cerca de mil tonelada por dia”.

Licitação

O Consórcio TF Green venceu a licitação de concessão da TPA da cidade e assinou o contrato. Segundo o secretário-adjunto, a empresa fará a gestão da cobrança, com repasse de 81% ao município de Ubatuba, por meio do Fundo do Meio Ambiente.

Módulos fotossensores que identificam os veículos serão colocados nas extremidades da cidade para o recolhimento da TPA. “O fator gerador será a entrada e saída da cidade, assim será feito o cálculo de quantos dias a pessoa irá pagar”.

O consórcio também será responsável por instalar uma sede central para pagamentos presenciais. Providenciará, também, aplicativos e totens ao longo da cidade.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Ana Lígia Dal Bello, em RMVale

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.